Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.487,88
    +1.482,88 (+1,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,30
    +228,40 (+0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,35
    +0,07 (+0,06%)
     
  • OURO

    1.845,10
    +3,00 (+0,16%)
     
  • BTC-USD

    29.977,19
    +591,02 (+2,01%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,34
    -23,03 (-3,42%)
     
  • S&P500

    3.901,36
    +0,57 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    31.261,90
    +8,80 (+0,03%)
     
  • FTSE

    7.389,98
    +87,24 (+1,19%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,54 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,23 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    11.838,00
    -2,75 (-0,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1538
    -0,0650 (-1,25%)
     

Vídeo aponta que Edward Snowden a ajudou criar criptomoeda

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Edward Snowden: foragido do governo dos EUA participou de lançamento da criptomoeda ZCash (REUTERS/Brendan McDermid)
Edward Snowden: foragido do governo dos EUA participou de lançamento da criptomoeda ZCash (REUTERS/Brendan McDermid)
  • Snowden é conhecido por ter revelado detalhes do programa de vigilância do governo americano

  • Ativista ajudou a implementar o protocolo da ZCash

  • Diferentemente do bitcoin, a ZCash permite a verificação de transações sem acesso a detalhes dos usuários

Um vídeo vazado nestes últimos dias fez uma grande revelação sobre a criptomoeda ZCash: que Edward Snowden esteve envolvido na criação da moeda, que tem como principal foco a privacidade dos usuários.

Snowden é até hoje foragido do governo americano depois de ter exposto ao mundo detalhes sobre o programa de vigilância estatal. Por conta disso, hoje ele vive como refugiado na Rússia.

Diferentemente do bitcoin, cujas transações e seus detalhes estão em um chamado "livro-razão aberto", ou seja, que pode ser acessado ao público, as trocas entre os usuários do ZCash podem ser verificadas sem a necessidade de ter acesso a detalhes.

O vídeo, que foi vazado pela Forbes, mostra Snowden criticando o bitcoin, afirmando que "o problema com isso [bitcoin] é que você não pode ter uma negociação verdadeiramente livre a menos que tenha negociação privada. E você não pode ter uma sociedade livre sem livre comércio”, argumentou.

Após o vazamento do vídeo Edward Snowden foi a público admitir seu envolvimento na implementação da criptomoeda, afirmando que participou da "Cerimônia" da ZCash sob o pseudônimo John Dobbertin.

A "Cerimônia", a que o ativista se refere, é o momento de lançamento da criptomoeda. Para garantir a segurança futura da rede, a chave de segurança do protocolo foi entregue a seis pessoas ao redor do mundo, que ajudariam a lançar a tecnologia. Caso caísse em mãos erradas, com intenções maliciosas, a chave poderia ser utilizada para controlar, modificar e até mesmo destruir a rede de blockchain.

De acordo com a Electric Coin Company, empresa responsável pela ZCash, Snowden não recebeu nenhum benefício ou pagamento pela sua participação no lançamento. “Ele fez isso como um serviço, como um bem público e acreditando na privacidade”, afirmou Josh Swihart, vice-presidente sênior da Electric Coin Company.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos