Viagem inaugural de trem-bala entre Cantão e Pequim sofre atraso de 1 hora

Pequim, 26 dez (EFE).- A primeira viagem de um trem-bala entre Cantão e Pequim, que aconteceu na maior ferrovia de trens de alta velocidade do mundo, foi realizada nesta quarta-feira, mas com uma hora de atraso devido ao gelo e à neve que afetam os trilhos em um dos trechos da linha.

Segundo o jornal "South China Morning Post", que teve jornalistas a bordo, o trem chegou à Estação Sul de Pequim às 18h55 locais (8h55 de Brasília) após nove horas de viagem, uma a mais do que o previsto.

Por precaução, devido às baixas temperaturas no norte do país (até 17 graus abaixo de zero em Pequim), o trem viajou abaixo de 300km/h, informaram os repórteres.

Em outros setores, para tentar compensar a perda, o trem acelerou até velocidades próximas a 310km/h.

Por outro lado, o primeiro trem no destino contrário, de Pequim a Cantão, partiu da capital uma hora antes, às 9h locais (23h de terça-feira em Brasília) e chegou a seu destino sem contratempos, após 7 horas e 59 minutos de viagem.

A linha, de 2.298 quilômetros, supera em praticamente o dobro a extensão da que detinha o recorde mundial anterior - de 1.318 quilômetros da ferrovia Pequim-Xangai que foi inaugurada em julho de 2011. EFE

Carregando...