Mercado fechado

Viagem de avião na primeira classe pode custar R$ 80 mil

Viagem para o Oriente Médio custa R$ 80 mil na primeira classe (Getty Image)
Viagem para o Oriente Médio custa R$ 80 mil na primeira classe (Getty Image)
  • Voar de primeira classe é cada vez menos comum no país;

  • Viagens de luxo podem chegar a custar R$ 80 mil por passageiro;

  • Poucas companhias aéreas oferecem a possibilidade para os clientes.

Transporte de carro até o avião e refeições chiques à bordo são algumas das mordomias oferecidas para os passageiros que compram uma viagem na primeira classe do avião. Apesar de luxuosa, a modalidade é cada vez menos comum no país.

Atualmente, para embarcar através da modalidade, é preciso desembolsar a partir de de R$ 50 mil para a Europa (ida e volta), R$ 60 mil para os Estados Unidos e R$ 80 mil para o Oriente Médio, de acordo com uma apuração feita pela CNN.

No passado, a Latam oferecia o serviço quando ainda era TAM, no entanto, interrompeu a opção em 2014, enquanto a United finalizou o setor em em 2018, aprimorando a executiva para oferecer um serviço semelhante ao que tinha na primeira classe.

A partir de dezembro, a Emirates passou a oferecer a primeira classe apenas em voos entre São Paulo e Dubai. Até novembro, a companhia oferecia o serviço também para o Rio de Janeiro.

Já a Air France conta com apenas quatro assentos do setor mais luxuoso da aeronave por voo. De acordo com a empresa, a ocupação é um pouco superior a 50%.

“Menos de 20% da nossa frota para voos de longa distância tem primeira classe. Se não temos uma boa taxa de ocupação, a empresa pode decidir usar o avião com primeira classe para outra rota.”, disse diretor comercial da Air France-KLM na América do Sul, Steven van Wijk, em entrevista ao Estadão.