Mercado abrirá em 5 h 57 min
  • BOVESPA

    100.763,60
    +2.091,34 (+2,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.294,83
    +553,33 (+1,16%)
     
  • PETROLEO CRU

    111,38
    +1,81 (+1,65%)
     
  • OURO

    1.829,00
    +4,20 (+0,23%)
     
  • BTC-USD

    20.860,87
    -400,57 (-1,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    454,46
    -7,34 (-1,59%)
     
  • S&P500

    3.900,11
    -11,63 (-0,30%)
     
  • DOW JONES

    31.438,26
    -62,42 (-0,20%)
     
  • FTSE

    7.258,32
    0,00 (0,00%)
     
  • HANG SENG

    22.418,79
    +189,27 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    27.049,47
    +178,20 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    12.105,00
    +64,50 (+0,54%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5345
    -0,0096 (-0,17%)
     

Veolia pagará R$60 mi por operação com ações da Suez sem aprovação do Cade

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Logotipo da Veolia
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

(Corrige informação, em texto publicado dia 25, de que a Engie assumiria obrigações ou responsabilidades no acordo de pagamento entre Veolia e Cade; diferentemente do que informou o Cade, Engie não assumirá obrigações)

(Reuters) - O Conselho Administrativo de Defesa Econômica homologou na quarta-feira (25) um acordo em que a empresa Veolia Environment se comprometeu a pagar 60 milhões de reais por ter consumado a operação de compra e venda de ações da Suez sem autorização prévia da autarquia, numa prática anticompetitiva conhecida como "gun jumping".

Segundo o Cade, a infração começou a ser apurada em novembro de 2020, quando recebeu uma denúncia formulada pela Suez noticiando uma operação entre as empresas que não teria passado pela análise e o aval do órgão concorrencial brasileiro.

O negócio envolveu a aquisição, pela Veolia, de ações detidas pela Engie e representativas de 29,9% do capital social e votante da Suez, empresa do setor de tratamento de água e resíduos.

O acordo para pagamento de contribuição pecuniária pela Veolia foi aprovado por unanimidade pelo tribunal do Cade nesta quarta-feira.

Os 60 milhões de reais correspondem ao valor máximo previsto na legislação para casos de "gun jumping".

O montante será arrecadado ao Fundo de Defesa dos Direitos Difusos e deverá ser pago em única parcela em até 90 dias, a contar da publicação no Diário Oficial da União.

(Por Letícia Fucuchima)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos