Mercado fechará em 3 h 19 min

Vendas de novas moradias nos EUA saltam a máxima em quase 14 anos

·1 minuto de leitura

WASHINGTON (Reuters) - As vendas de novas moradias unifamiliares nos Estados Unidos saltaram para seu nível mais alto em quase 14 anos em agosto, sugerindo que o mercado imobiliário continuou a ganhar impulso apesar de sinais de que a recuperação da economia diante da recessão de Covid-19 parece estar desacelerando.

O Departamento de Comércio informou nesta quinta-feira que as vendas de novas moradias avançaram 4,8%, para uma taxa anual ajustada sazonalmente de 1,011 milhão de unidades no mês passado, maior nível desde setembro de 2006.

Economistas consultados pela Reuters previam que as vendas de novas moradias, que correspondem a mais de 10% das vendas do mercado imobiliário, recuariam 1%, para uma taxa de 895 mil unidades.

As vendas de casas novas são contabilizadas na assinatura do contrato, tornando-as um indicador antecedente do mercado imobiliário.

O ritmo de vendas de julho foi revisado para cima, a 965 mil unidades, ante 901 mil relatadas anteriormente.

(Por Lucia Mutikani)