Mercado fechado

Vendas de máquinas de fliperama disparam durante a pandemia

Foto: Yahoo Finanças

Muitas empresas estão sofrendo com a redução das vendas desde o começo da pandemia de coronavírus, mas não é o caso da Arcade1Up. A empresa que vende máquinas de fliperama com jogos conhecidos, todos com licença oficial, disse com exclusividade ao Yahoo Finanças que alcançou duas metas de vendas extraordinárias.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Em menos de dois anos, a empresa vendeu 1 milhão de máquinas de fliperama (com preço entre US$ 300 e US$ 500). As vendas aumentaram 96% a cada semana desde março.


“Jamais poderíamos prever esses números, levando em consideração a situação atual. Percebemos que o novo normal definiu padrões e comportamentos que estão começando a se revelar. As pessoas estão passando mais tempo em casa, e as máquinas Arcade1Up são um dos produtos escolhidos para o entretenimento familiar nesses tempos difíceis”, conta Scott Bachrach, fundador e CEO da Tastemakers, dona da Arcade1Up.

“Resumindo, as pessoas estão percebendo, agora mais do que nunca, a importância do que elas têm em casa. Os temas autênticos, a jogabilidade e os controles das nossas máquinas de fliperama têm uma pegada nostálgica que fazem as pessoas lembrarem de uma época mais simples. Costumamos dizer que essas máquinas de fliperama são de certa forma, máquinas do tempo, que levam as pessoas à época em que conheceram esses jogos”.

As máquinas de fliperama com jogos mais conhecidos, como Tartarugas Ninja, da Viacom, e Star Wars, da Disney, ajudaram a empresa a alcançar a marca de 1 milhão de unidades vendidas.

Com a nostalgia dos anos 1980 e 90, a demanda por jogos retrô aumentou bastante e isso fez o preço dos videogames disparar. Esse é um dos grandes motivos do sucesso da Arcade1Up. Existe uma nova geração de gamers louca para ter um clima retrô de fliperama em casa. Alguns dos novos games que eles estão jogando em casa são Pac-Man e BurgerTime, e Bachrach não se preocupa com a diminuição dessa empolgação, pois já está preparado para oferecer outros jogos.

“Percebemos que, com o isolamento social, as pessoas estão sentindo falta de interagir entre si. Pensando nisso, estamos desenvolvendo máquinas de fliperama com Wi-Fi para elas interagirem enquanto jogam”, explica ele. “Também estamos desenvolvendo novos títulos, jogos e outros itens com recursos on-line para agregar valor aos nossos produtos e manter os fãs conectados”.

Apesar das turbulências na cadeia de suprimentos, a Arcade1Up está conseguindo atender à demanda dos consumidores, mas mesmo assim, há quem ainda se preocupe com a possibilidade de surgir algum obstáculo no caminho. Bachrach vê a situação com outros olhos.

“É claro que estamos preocupados com a cadeia de suprimentos mundial. No pior momento, até as operações norte-americanas foram parcialmente fechadas. Mantemos uma boa parte do estoque internamente para atender à demanda dos clientes, mas sim, as exportações diminuíram. Até as nossas operações foram paralisadas ou reduzidas”, revela o empresário ao Yahoo Finanças.

“Considerando as dificuldades dos últimos meses, acreditamos que vamos ser mais do que capazes de atender à demanda dos nossos parceiros e clientes, mas queremos garantir que isso aconteça da forma mais segura e cautelosa possível”.

Nick Monte

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.