Mercado abrirá em 4 h 48 min
  • BOVESPA

    111.539,80
    +1.204,97 (+1,09%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.682,19
    +897,61 (+2,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    59,92
    +0,17 (+0,28%)
     
  • OURO

    1.730,80
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    49.980,29
    +1.489,78 (+3,07%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.003,74
    +15,64 (+1,58%)
     
  • S&P500

    3.870,29
    -31,53 (-0,81%)
     
  • DOW JONES

    31.391,52
    -143,99 (-0,46%)
     
  • FTSE

    6.613,75
    0,00 (0,00%)
     
  • HANG SENG

    29.836,51
    +740,65 (+2,55%)
     
  • NIKKEI

    29.559,10
    +150,93 (+0,51%)
     
  • NASDAQ

    13.171,50
    +116,25 (+0,89%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,8704
    +0,0083 (+0,12%)
     

Venda do TikTok para Oracle e Walmart é paralisada enquanto governo Biden analisa caso, diz jornal

·1 minuto de leitura

(Reuters) - O plano da Oracle e do Walmart de comprar as operações do TikTok nos Estados Unidos foi adiado indefinidamente, com o presidente Joe Biden analisando os esforços do governo anterior para lidar com os riscos de segurança potenciais apresentados por empresas chinesas de tecnologia, informou o Wall Street Journal nesta quarta-feira.

O governo do ex-presidente Donald Trump citou preocupações com a segurança nacional ao agir contra o TikTok, argumentando que dados pessoais dos usuários dos EUA poderiam ser obtidos pelo governo da China, enquanto o TikTok nega a alegação.Isso ocorre quando a proprietária do TikTok, a ByteDance, vive uma disputa judicial com o governo dos EUA, com muitos tribunais federais impedindo a tentativa do Departamento de Comércio de encerrar as operações do TikTok no país.

Leia também:

As discussões continuaram entre representantes da ByteDance e oficiais de segurança nacional dos EUA, disse a reportagem do WSJ, citando pessoas familiarizadas com o assunto.

O TikTok está em negociações com o Walmart e a Oracle desde setembro para finalizar um acordo que colocaria os ativos da TikTok nos Estados Unidos sob o controle de uma nova entidade para evitar sua proibição total no país.

TikTok, Oracle e Walmart não responderam imediatamente aos pedidos de comentários da Reuters.

(Por Chavi Mehta em Bengaluru)