Mercado fechado

Venda de cimento cai 10% em outubro sobre um ano antes, diz Snic

·1 min de leitura

SÃO PAULO (Reuters) - A indústria do cimento amargou queda de 9,8% nas vendas em outubro no país sobre o mesmo período do ano passado, para 5,34 milhões de toneladas, informou a entidade que representa os fabricantes, Snic, nesta segunda-feira.

Na comparação com setembro, as vendas recuaram cerca de 6%. Em outubro, todas as regiões do país apuraram queda nas vendas sobre o mesmo mês do ano passado, com destaque para a região Sudeste, onde a baixa foi de 11,6%, para 2,356 milhões de toneladas.

"A performance da indústria vem demonstrando uma trajetória descendente desde abril", afirmou a entidade em comunicado à imprensa. "Ao se analisar a venda de cimento por dia útil, 237,3 mil toneladas em outubro, a queda é de 4,2% comparada com o mês anterior – demonstrando, mais uma vez, que o período de maior crescimento no ano ficou para trás", acrescentou a entidade.

No acumulado do ano, as vendas de cimento no país somam 54,2 milhões de toneladas, crescimento de 7,2% sobre o mesmo período de 2020.

(Por Alberto Alerigi Jr.; edição Paula Arend Laier)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos