Mercado fechará em 6 h 40 min
  • BOVESPA

    121.847,60
    +46,81 (+0,04%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.868,32
    -766,28 (-1,48%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,18
    -0,77 (-1,04%)
     
  • OURO

    1.810,60
    -6,60 (-0,36%)
     
  • BTC-USD

    39.319,89
    -2.212,61 (-5,33%)
     
  • CMC Crypto 200

    958,52
    +8,62 (+0,91%)
     
  • S&P500

    4.395,26
    -23,89 (-0,54%)
     
  • DOW JONES

    34.935,47
    -149,03 (-0,42%)
     
  • FTSE

    7.076,95
    +44,65 (+0,63%)
     
  • HANG SENG

    26.235,80
    +274,77 (+1,06%)
     
  • NIKKEI

    27.781,02
    +497,43 (+1,82%)
     
  • NASDAQ

    15.024,00
    +68,25 (+0,46%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1114
    -0,0766 (-1,24%)
     

‘Velozes & Furiosos 9’ enfrenta pressão para ressuscitar cinema

·3 minuto de leitura

(Bloomberg) -- Donna Langley, a mandachuva da Universal Pictures que esteve entre os primeiros líderes de estúdio a adiar um filme importante por causa da pandemia, agora enfrenta a ansiedade de Hollywood para o renascimento do cinema.

“Velozes & Furiosos 9”, o novo filme da franquia, é um espetáculo visual de revirar o estômago de uma produção que já gerou quase US$ 300 milhões em vendas globais em bilheteria desde que foi lançada em outros países em maio. Em 25 de junho, o filme estreia nos Estados Unidos, o maior mercado de cinema do mundo, onde pode se tornar uma máquina de dinheiro e ajudar a recuperar o setor.

“Me senti muito bem com o lançamento do filme”, disse Langley, presidente do conselho da Universal Filmed Entertainment, do grupo Comcast Corp, em entrevista. “A sensação é de que o público está mais confortável em voltar” às salas de cinema, explicou.

O fato de alguns críticos chamarem o filme de “absurdo” e “maluco”, repleto de acrobacias de carros que fariam até os pouco familiarizados com as leis da física revirarem os olhos, não vem ao caso. Como em muitos setores, o hábito de ir ao cinema desapareceu com a pandemia de Covid-19. A receita com bilheteria caiu para zero durante a maior parte de 2020, levando salas de cinema adoradas a fecharem permanentemente. Mesmo depois de meses em recuperação, o setor ainda está abalado. As receitas de bilheteria no acumulado do ano correspondem à metade do nível no mesmo período em 2020, segundo dados da empresa de pesquisa Comscore.

Insiders de Hollywood, portanto, tem esperado por um herói para salvar o setor. A maioria prevê que esse herói virá na forma de uma produção de orçamento elevado de uma franquia confiável e popular que só pode ser desfrutada por completo no cinema. Com um pouco de sorte e decisão perspicaz da Universal, “Velozes & Furiosos 9” se tornou esse filme.

“Há muita pressão, porque, vamos ser honestos, este é o primeiro verdadeiro blockbuster de verão em mais de dois anos”, disse Paul Dergarabedian, analista da Comscore, relembrando o lançamento em 2019 de “Vingadores: Ultimato”, da Walt Disney.

Para chegar até aqui, Langley teve que começar ignorando os palpiteiros no início da pandemia, que disseram que sua rápida decisão de adiar “Velozes & Furiosos 9” foi um grande erro. Em março de 2020, ela se recusou a ceder à ideia de que um verão quente seria o suficiente para acabar com a propagação da Covid-19. Em vez disso, adiou o lançamento de “Velozes & Furiosos 9” até abril de 2021 e teve que mudar a data mais duas vezes.

“Era um pouco desaprovado na época. Acho que, para alguns, parecia uma reação exagerada”, disse Langley em entrevista este mês. “Mas, em retrospectiva, todas as indicações parecem apontar para manobras em torno deste título que nos serviram bem.”

More stories like this are available on bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos