Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.910,10
    -701,55 (-0,62%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.661,86
    +195,84 (+0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    87,29
    +0,68 (+0,79%)
     
  • OURO

    1.792,30
    -2,70 (-0,15%)
     
  • BTC-USD

    37.713,24
    +967,47 (+2,63%)
     
  • CMC Crypto 200

    863,83
    +21,37 (+2,54%)
     
  • S&P500

    4.431,85
    +105,34 (+2,43%)
     
  • DOW JONES

    34.725,47
    +564,69 (+1,65%)
     
  • FTSE

    7.466,07
    -88,24 (-1,17%)
     
  • HANG SENG

    23.550,08
    -256,92 (-1,08%)
     
  • NIKKEI

    26.717,34
    +547,04 (+2,09%)
     
  • NASDAQ

    14.430,25
    +443,50 (+3,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9813
    -0,0427 (-0,71%)
     

Veja quais áreas mais promissoras para investir em franquias em 2022

·3 min de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A recuperação das franquias superou as expectativas do setor. "No terceiro trimestre de 2021, voltamos ao patamar de 2019. Esperávamos crescer 8% no acumulado do ano, mas tudo indica que chegaremos aos 9%", afirma André Friedheim, presidente da ABF (Associação Brasileira de Franchising).

Com base no desempenho das franquias neste ano e na capacidade de adaptação de alguns segmentos às demandas geradas pela pandemia, Friedheim diz ser possível fazer algumas apostas para 2022.

O ramo de turismo e hotelaria ocupa o topo da lista. De acordo com a Pesquisa Trimestral de Desempenho do Setor, realizada pela ABF, o crescimento do setor no terceiro trimestre foi de 53,1%, impulsionado pela demanda reprimida. "Principalmente o turismo local voltou com força, o que deve estimular as franquias de agências, empresas de locação de veículos e redes hoteleiras", diz ele.

Outra área que se destacou na pandemia e promete se manter em alta é o de educação, com destaque para redes que se adaptaram bem ao formato híbrido. Entram nessa categoria os cursos de idiomas, os preparatórios para concursos públicos e os de especialização, como o profissionalizante de designer de games.

"As pessoas aprenderam na pandemia que os cursos online representam uma oportunidade de maior qualificação. Acabou o preconceito em relação ao ensino a distância", afirma o presidente da ABF.

No setor de alimentação, algumas mudanças impostas pela pandemia devem permanecer, como o incremento do delivery e a proliferação de dark kitchens, que ajudaram a enxugar custos e simplificar operações. Essa é a opinião de Leonardo Lara, diretor comercial da consultoria Conexão Franquias. "Já vemos até cozinhas compartilhadas", diz.

Os quase dois anos de crise sanitária também impulsionaram o surgimento de novos modelos de franquias, que têm tudo para continuar em alta. Ganharam força as lojas físicas mais compactas, idealizadas para cidades menores, e os pontos alternativos —caso dos quiosques implantados em supermercados e home centers e das unidades formatadas para condomínios residenciais, como minimercados e lavanderias.

Microfranquias, que tiveram o teto de investimento revisto em 2021 com base nos critérios do Banco Mundial —agora, entram nessa categoria as redes com preço até R$ 105 mil—, vão continuar alavancando o franchising brasileiro, de acordo com as projeções da ABF.

Dentro desse grupo, mantêm destaque o formato homebased, que dispensa a necessidade de ponto fixo, e as franquias do segmento de serviços, sobretudo as especializadas em cuidados de idosos, venda e instalação de equipamentos de energia solar e limpeza.

Para Leonardo Lara, as franquias de baixo investimento inicial são uma oportunidade para um público que entrou com vontade no franchising em 2021: os jovens. "Eles representavam 10% da nossa clientela e, hoje, são 20%, já que muitos empreenderam por necessidade em função do desemprego", afirma.

Mas, segundo o especialista, é preciso ter cuidado ao investir, porque a popularização das microfranquias levou ao surgimento de muitas redes não associadas à ABF, que prometem lucros incompatíveis com o investimento inicial. "Antes de assinar contrato, converse com outros franqueados, pergunte se o suporte do franqueador é eficiente e se as projeções financeiras estão sendo atendidas."

-

5 MICROFRANQUIAS DE SETORES QUE ESTARÃO EM ALTA EM 2022

Clube Turismo (franquiaclubeturismo.com.br)

Segmento Agência de turismo

Unidades 532

Investimento A partir de R$ 5.900

Retorno De 4 a 24 meses

The Kids Club – Inglês Só para Crianças (thekidsclub.com.br)

Segmento Curso de idiomas

Unidades 53

Investimento A partir de R$ 23,5 mil

Retorno De 12 a 36 meses

Cuidare (cuidarebr.com.br)

Segmento Cuidadores de pessoas

Unidades 69

Investimento A partir de R$ 26 mil

Retorno De 8 a 24 meses

Maria Brasileira (mariabrasileira.com.br)

Segmento Limpeza doméstica e corporativa

Unidades 356

Investimento A partir de R$ 36,5 mil

Retorno De 12 a 15 meses ​

Graviola

​Segmento Restaurante de comida saudável

Unidades 7

Investimento A partir de R$ 85 mil

Retorno De 16 a 24 meses

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos