Mercado fechará em 47 mins
  • BOVESPA

    130.113,63
    -94,33 (-0,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.861,66
    -167,88 (-0,33%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,25
    +1,37 (+1,93%)
     
  • OURO

    1.858,70
    -7,20 (-0,39%)
     
  • BTC-USD

    40.610,41
    +1.017,94 (+2,57%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.010,17
    -0,43 (-0,04%)
     
  • S&P500

    4.248,61
    -6,54 (-0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.307,32
    -86,43 (-0,25%)
     
  • FTSE

    7.172,48
    +25,80 (+0,36%)
     
  • HANG SENG

    28.638,53
    -203,60 (-0,71%)
     
  • NIKKEI

    29.441,30
    +279,50 (+0,96%)
     
  • NASDAQ

    14.022,50
    -102,25 (-0,72%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1131
    -0,0184 (-0,30%)
     

Veja o que se sabe do primeiro caso em humanos de gripe aviária H10N3?

·3 minuto de leitura
(Arquivo) Linha de produção de frango

O que é a gripe aviária? Como é transmitida aos humanos? Aqui está uma revisão do que se sabe após o anúncio pela China na terça-feira da primeira infecção humana no mundo pela gripe aviária H10N3, que até o momento não causa preocupação.

- O que foi detectado? -

"O paciente é um homem de 41 anos da província de Jiangsu", informou a Organização Mundial da Saúde (OMS) à AFP.

O homem desenvolveu sinais da gripe aviária H10N3 "no dia 22 de abril e foi internado em uma unidade de terapia intensiva no dia 28. Atualmente está se recuperando", diz a OMS.

De acordo com o Ministério da Saúde chinês, os médicos concluíram que ele teve a doença um mês após sua hospitalização.

"No momento, a origem da exposição desse paciente ao vírus H10N3 é desconhecida", explicou a OMS.

- O que é uma gripe aviária? -

É um tipo de doença "causada por vírus influenza que são transmitidos entre pássaros com muita facilidade, mas muito raramente causam doença em humanos", explica a Dra. Nicole Robb (University of Warwick), citada pela agência britânica Science Media Center (SMC).

"Há uma variedade muito grande de vírus da gripe que circula entre as aves, muito mais do que entre os principais mamíferos hospedeiros da gripe, humanos, porcos e cavalos", acrescenta outro especialista, Dr. John W. McCauley (Francis Crick Institute), também citado pelo SMC.

Às vezes, essas doenças são transmitidas aos humanos.

Duas cepas da gripe aviária - H5N1 (entre 2003 e 2011, após um primeiro surto em 1997) e H7N9 (desde 2013) - causaram infecções humanas na Ásia através de aves infectadas. Mas a transmissão entre humanos é muito rara.

Um total de 1.668 pessoas foram infectadas com o vírus H7N9, que matou 616 desde 2013, de acordo com a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO).

Por sua vez, o vírus H5N8, derivado do H5N1, foi detectado em fevereiro, na Rússia, em vários funcionários de uma avicultura, após ter circulado por meses em muitas fazendas europeias.

O Dr. McCauley também cita casos esporádicos de infecções pelos vírus H9N2 e H10N8 no mundo nos últimos vinte anos.

- Como se transmite aos humanos? -

Em geral, é o "contato muito próximo" com animais infectados, aves ou patos, "uma exposição direta quando são manuseados ou quando sua carne é preparada", responde McCauley.

"O fechamento dos mercados de aves parou a epidemia de gripe aviária H5N1 em Hong Kong em 1997", lembra, acrescentando que "uma vez cozida, a carne infectada representa muito pouca ameaça".

A OMS considera que, enquanto os vírus da gripe aviária circularem entre as aves, os casos humanos esporádicos "não são surpreendentes".

A próxima fase seria a transmissão entre humanos, mas para isso "são necessárias mutações", explica Vincent Enouf, vice-diretor do Centro Nacional de Referência para Vírus de Infecções Respiratórias do Instituto Pasteur, à AFP.

- Qual o risco do vírus H10N3?

"No momento, não há indicação de uma possível transmissão humano-humano" do H10N3, tranquiliza a OMS.

Até hoje, "esse vírus não foi detectado em outras pessoas, segundo as autoridades chinesas, o que parece tranquilizador", explica Enouf, lembrando que "a disseminação do vírus aviário entre os humanos ainda é muito complicada".

Além disso, em aves, onde é detectado desde 2002, "o H10N3 é um vírus de baixa patogenicidade", o que significa que causa poucos sinais da doença, segundo a OMS.

O fato de pertencer à família H10 é "uma boa notícia", ressalta a Dra. Nicole Robb, que aponta que o H5 ou H7 são "mais preocupantes".

pr-BC/fmp/zl/tjc/mb/bn/mvv