Mercado fechará em 6 h 25 min

Veja novas imagens com summons e nova introdução de Final Fantasy VII Remake

Rafael Arbulu

Final Fantasy VII Remake, a releitura de um dos jogos de RPG mais influentes da história dos videogames, teve divulgadas novas imagens e um vídeo com a introdução do título, pela publisher japonesa Square Enix. As imagens em si mostram em detalhes algumas das invocações (summons) do jogo e parecem ser mais focadas em apresentar os momentos de ação do game. Um detalhe interessante é que o arquivo de mídia disponibilizado pela publisher à imprensa é nomeado "DLC Summons", um provável indício de que as três invocações que mostramos aqui (Carbuncle, Cactuar e Chocobo Chick) sejam extras compráveis após o lançamento e não estejam no jogo eu lançamento.

O vídeo em si também parece apelar ao saudosismo dos fãs do jogo original de 1997: trata-se da primeira cinemática do game, a introdução, mas agora totalmente refeita dentro da ambientação do remake. Confira o vídeo e a galeria com as novas imagens logo abaixo:

galeria

Final Fantasy VII Remake estava originalmente planejado para lançamento em 3 de março de 2020, mas o produtor do jogo, Yoshinori Kitase, em seu perfil no Twitter, confirmou que o jogo seria adiado para 10 de abril de 2020. Com isso, uma nova imagem da caixa do jogo menciona uma suposta exclusividade temporária do título para PlayStation 4, agora com notação de data para 10 de abril de 2021. Vale citar, porém, que a Square Enix nunca confirmou (ou negou) o lançamento do remake em outras plataformas que não o PlayStation 4, então essa parte de “exclusividade temporária” não passa de especulação.

O jogo refaz completamente o clássico de 1997, ampliando sua magnitude consideravelmente: durante a E3 2019, o produtor Yoshinori Kitase, acompanhado do designer e artista Tetsuya Nomura, disse que o primeiro capítulo do jogo levaria, no remake, mais ou menos o mesmo tempo necessário para atravessar o primeiro CD-ROM inteiro no original (em 1997, Final Fantasy VII era distribuído em três discos). Por isso, a distribuição do remake é fragmentada: o lançamento de 10 de abril corresponde apenas ao que seria o primeiro CD no original, enquanto os desenvolvimentos posteriores da história ainda não tem previsão.

O Canaltech teve a oportunidade de testar uma versão demonstrativa de Final Fantasy VII Remake durante a Brasil Game Show (BGS) 2019, concluindo que o jogo, ao menos até onde vimos, possui um desenvolvimento bastante favorável, ainda que o sistema de combate careça de um equilíbrio mais aprofundado.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: