Mercado abrirá em 5 h 31 min
  • BOVESPA

    108.941,68
    -160,32 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.599,38
    -909,02 (-1,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    85,70
    +0,56 (+0,66%)
     
  • OURO

    1.838,50
    +6,70 (+0,37%)
     
  • BTC-USD

    35.318,63
    -54,79 (-0,15%)
     
  • CMC Crypto 200

    815,62
    +572,94 (+236,09%)
     
  • S&P500

    4.397,94
    -84,79 (-1,89%)
     
  • DOW JONES

    34.265,37
    -450,03 (-1,30%)
     
  • FTSE

    7.494,13
    -90,88 (-1,20%)
     
  • HANG SENG

    24.697,43
    -268,12 (-1,07%)
     
  • NIKKEI

    27.588,37
    +66,11 (+0,24%)
     
  • NASDAQ

    14.550,00
    +123,50 (+0,86%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1690
    -0,0210 (-0,34%)
     

Veja a ISS passando no céu acima do monumento histórico do Coliseu

·1 min de leitura

A Estação Espacial Internacional (ISS) foi registrada atravessando o céu bem acima do monumento histórico do Coliseu, na Itália. O surpreendente registro surgiu da parceria entre o Virtual Telescope Project e a agência espacial italiana em comemoração ao primeiro Dia Nacional do Espaço do país, em 16 de dezembro.

Ao todo, foram dois registros em dias diferentes da passagem da ISS acima do Coliseu. A estação orbital aparece numa porção do céu abraçada pelas colunas milenares do monumento, as quais bloqueiam parte da poluição luminosa dos arredores.

O primeiro registro foi feito em 6 de dezembro deste ano (Imagem: Reprodução/Virtual Telescope Project)
O primeiro registro foi feito em 6 de dezembro deste ano (Imagem: Reprodução/Virtual Telescope Project)

O fundador do Virtual Telescope, Gianluca Masi, disse que “esta foi uma maneira perfeita de unir nossa história de dois mil anos e raízes com os desafios da era espacial moderna”.

Há mais de 20 anos a ISS desempenha um papel fundamental para a humanidade desenvolvendo pesquisas e tecnologias inovadoras. A uma altitude de 400 km, a ISS orbita a Terra a uma de velocidade de 27.700 km/h e, no momento dos registros, havia 10 astronautas trabalhando lá. “Aquele monumento lendário parece abraçar uma grande parte do céu, com suas paredes milenares emoldurando estrelas e antigas constelações”, acrescentou Masi.

Trânsito da ISS registrado em 7 de dezembro (Imagem: Reprodução/Virtual Telescope Project)
Trânsito da ISS registrado em 7 de dezembro (Imagem: Reprodução/Virtual Telescope Project)

O primeiro registro da passagem foi feito no dia 6 de dezembro e ofereceu o exato momento em que a ISS alcança o seu zênite — o ponto do céu bem acima de nossas cabeças — enquanto atravessa o Coliseu. O segundo, feito no dia 7, foi durante o crepúsculo quando o céu ainda estava parcialmente iluminado.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos