Mercado fechado
  • BOVESPA

    119.646,40
    -989,99 (-0,82%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.125,71
    -369,70 (-0,81%)
     
  • PETROLEO CRU

    53,28
    +0,30 (+0,57%)
     
  • OURO

    1.871,10
    +30,90 (+1,68%)
     
  • BTC-USD

    34.921,92
    +521,95 (+1,52%)
     
  • CMC Crypto 200

    692,09
    -8,52 (-1,22%)
     
  • S&P500

    3.851,85
    +52,94 (+1,39%)
     
  • DOW JONES

    31.188,38
    +257,86 (+0,83%)
     
  • FTSE

    6.740,39
    +27,44 (+0,41%)
     
  • HANG SENG

    29.962,47
    +320,19 (+1,08%)
     
  • NIKKEI

    28.523,26
    -110,20 (-0,38%)
     
  • NASDAQ

    13.287,75
    +302,25 (+2,33%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4053
    -0,0933 (-1,44%)
     

Vasco: atacante Lucas Ribamar deve seguir como titular contra o Grêmio

Bruno Marinho
·1 minuto de leitura

Para a partida contra o Grêmio, domingo, em Porto Alegre, o Vasco deverá contar com Lucas Ribamar no comando do ataque novamente. O jogador, que chamou a atenção no confronto diante do Defensa y Justicia pela quantidade de oportunidades desperdiçadas, terá a chance de se redimir em Porto Alegre.

O titular da posição, Germán Cano, segue fora da equipe por causa da Covid-19 e só deve retornar aos treinos na próxima terça-feira. Com isso, ser preparado para retornar no dia 13, no clássico contra o Fluminense, em São Januário.

Lucas Ribamar, que chegou a dar a impressão de que sentiu alguma lesão muscular durante a partida contra o Defensa, após tentar uma finalização e furar, treinou sexta-feira no CT do Almirante e sinalizou de que tudo não passou de um susto.

Ele é um dos vice-artilheiros do Vasco na temporada, com quatro gols, e ganhou a disputa com Tiago Reis para ver quem seria o reserva imediato de Germán Cano.

O garoto revelado na base chegou a ser titular no empate em 0 a 0 do Vasco com o Caracas, pela Sul-Americana — no jogo de ida, foi do atacante o gol da vitória por 1 a 0. Pesa a favor de Lucas Ribamar, na visão da comissão técnica cruz-maltina, o fato de o jogador ter uma participação maior na marcação.