Varejo cresce 1,5% em janeiro, indica a Serasa Experian

O Indicador de Atividade do Comércio, divulgado nesta terça-feira pela Serasa Experian, avançou 1,5% em janeiro ante dezembro, com ajuste sazonal, puxado pelo segmento de veículos. Na comparação com janeiro de 2011 a alta foi de 13,8%, a maior nessa base de comparação desde agosto de 2008.

Em nota distribuída à imprensa, os economistas da empresa disseram que o aumento em janeiro foi impulsionado pelo bom desempenho do segmento de veículos, motos e peças, que avançou 10,8%, com ajuste sazonal. "As promoções realizadas por várias redes de concessionárias com veículos em estoque com IPI reduzido, isto é, com alíquotas que vigoraram até o fim do ano passado, atraíram os consumidores às lojas especializadas", segundo a nota.

Os economistas disseram também que as liquidações de bens duráveis feitas pelo comércio, a fim de eliminar os estoques dos produtos remanescentes das vendas de fim de ano, levaram ao crescimento de 9,7% no movimento dos consumidores nas lojas do ramo.

O segmento de tecidos, vestuário, calçados e acessórios avançou 3,1% em janeiro ante dezembro, enquanto o de material de construção cresceu 4,2%. O segmento de supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas ficou estável. O único setor varejista que teve queda nessa base de comparação foi o de combustíveis e lubrificantes, baixa de 0,5%, com ajuste sazonal.

Carregando...