Mercado abrirá em 6 h 47 min
  • BOVESPA

    108.651,05
    +248,77 (+0,23%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.241,81
    -113,05 (-0,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,75
    -0,75 (-0,83%)
     
  • OURO

    1.804,70
    -7,60 (-0,42%)
     
  • BTC-USD

    22.899,25
    -920,13 (-3,86%)
     
  • CMC Crypto 200

    531,96
    -25,40 (-4,56%)
     
  • S&P500

    4.122,47
    -17,59 (-0,42%)
     
  • DOW JONES

    32.774,41
    -58,13 (-0,18%)
     
  • FTSE

    7.488,15
    +5,78 (+0,08%)
     
  • HANG SENG

    19.522,83
    -480,61 (-2,40%)
     
  • NIKKEI

    27.809,98
    -189,98 (-0,68%)
     
  • NASDAQ

    12.987,00
    -44,50 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2545
    +0,0218 (+0,42%)
     

'Vamos focar em mudar a mentalidade', diz Hamilton após comentário racista de Piquet

Lewis Hamilton se manifestou pela primeira vez após a repercussão de um vídeo no qual Nelson Piquet chamava o inglês de "neguinho" durante uma entrevista a um canal no Youtube. Por meio de sua conta no Twitter, em português, ele disse que a prioridade no momento é "focar em mudar a realidade".

Resposta: após Nelson Piquet chamar Hamilton de 'neguinho', Fórmula 1 e Mercedes criticam racismo contra piloto

O piloto também disse, em outra publicação, que casos como esse refletem "mentalidade arcaica" e que "chegou a hora da ação", pelo fato de atitudes como a de Piquet serem "mais do que linguagem".

"É mais do que linguagem. Essas são mentalidades arcaicas que precisam mudar e não têm lugar no nosso esporte. Fui cercado por essas atitudes e alvo de minha vida toda. Houve muito tempo para aprender. Chegou a hora da ação", publicou o piloto em seguida.

Tricampeão da Fórmula 1, Piquet fez a afirmação (vídeo abaixo) ao ser perguntado se uma tentativa de ultrapassagem feita por Max Verstappen sobre o inglês, no GP de Silverstone do ano passado, era similar a uma feita por Ayrton Senna, em prova realizada 1990. Procurada pela reportagem, a assessoria de Nelson Piquet não quis se manifestar sobre o caso.

O piloto ainda compartilhou uma publicação que ironizava com a possibilidade de Hamilton questionar, em uma postagem, "quem é Nelson Piquet". O inglês disse, apenas, "imagine" ("imagina", em inglês).

O registro da fala de Piquet passou a circular nas redes sociais desde o domingo. No Brasil, ocorre crime de racismo quando há ofensa à dignidade de alguém, com base em elementos referentes à sua raça, cor, etnia, religião, idade ou deficiência, com pena que pode ir de 1 a 3 anos de reclusão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos