Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.496,21
    -2.316,66 (-2,04%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.463,26
    -266,54 (-0,55%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,91
    -0,59 (-0,65%)
     
  • OURO

    1.760,30
    -10,90 (-0,62%)
     
  • BTC-USD

    20.964,27
    -2.126,83 (-9,21%)
     
  • CMC Crypto 200

    504,88
    -36,72 (-6,78%)
     
  • S&P500

    4.228,48
    -55,26 (-1,29%)
     
  • DOW JONES

    33.706,74
    -292,30 (-0,86%)
     
  • FTSE

    7.550,37
    +8,52 (+0,11%)
     
  • HANG SENG

    19.773,03
    +9,12 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    28.930,33
    -11,81 (-0,04%)
     
  • NASDAQ

    13.250,00
    -273,25 (-2,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1885
    -0,0253 (-0,49%)
     

Valor do IPVA de 2022 em São Paulo é liberado para consulta

·2 min de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O proprietário de veículo em São Paulo já consegue saber quanto terá de pagar em IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) neste ano –e é recomendável que ele prepare o bolso, pois a tabela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), usada como referência para o cálculo do imposto, registrou alta média de 24,94% nos 12 meses até setembro de 2021.

Segundo a Fazenda paulista, o aumento médio no valor do tributo a ser pago é de 22,54%. O imposto começa a vencer na próxima segunda (10). A consulta pode ser feita nos diversos canais da rede bancária, como aplicativos, terminais de autoatendimento e no internet banking. No site da Secretaria de Fazenda de São Paulo também há uma página dedicada à consulta (https://www.ipva.fazenda.sp.gov.br/ipvanet_consulta/consulta.aspx).

Para consultar, o dono do carro precisará informar a placa e o número do Renavam, que consta no documento do veículo, o CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo). O pagamento pode ser feito nas lotéricas e com o cartão de crédito, para quem quiser parcelar. Banco do Brasil, Bradesco e Santander não recebem mais o pagamento do IPVA nos caixas.

A alíquota do IPVA em São Paulo não mudou e continua sendo de 4% sobre o valor venal para os veículos flex (que usam gasolina e biocombustíveis), e de 3% para os que são movidos exclusivamente a biocombustíveis, como etanol, eletricidade ou gás.

Mesmo com a alíquota igual, os proprietários vão pagar mais devido ao encarecimento no preço dos carros. Com o valor venal mais alto, o percentual referente ao imposto acaba também mais elevado.

A valorização dos carros usados ocorreu pela combinação de demanda aquecida em um momento de dificuldades na indústria automobilística, que não consegue manter o ritmo de produção devido à falta de peças, principalmente chips semicondutores.

Neste ano, o IPVA em São Paulo poderá ser parcelado em até cinco vezes. Até o ano passado, eram três as cotas.

O governo estadual concede um desconto de 9% para quem fizer o pagamento integral em janeiro. O pagamento a partir de fevereiro terá desconto de 5% para quem optar por cota única naquele mês e para quem parcelar em cinco vezes. O desconto para os proprietários de carro novo é de 3%.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos