Mercado abrirá em 2 h 20 min
  • BOVESPA

    112.486,01
    +1.576,40 (+1,42%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.684,86
    +1.510,80 (+3,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,12
    +0,57 (+0,71%)
     
  • OURO

    1.791,60
    +31,70 (+1,80%)
     
  • BTC-USD

    17.099,35
    +230,58 (+1,37%)
     
  • CMC Crypto 200

    404,77
    +4,07 (+1,02%)
     
  • S&P500

    4.080,11
    +122,48 (+3,09%)
     
  • DOW JONES

    34.589,77
    +737,24 (+2,18%)
     
  • FTSE

    7.587,11
    +14,06 (+0,19%)
     
  • HANG SENG

    18.736,44
    +139,21 (+0,75%)
     
  • NIKKEI

    28.226,08
    +257,09 (+0,92%)
     
  • NASDAQ

    12.014,50
    -27,75 (-0,23%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4083
    +0,0118 (+0,22%)
     

Valor do Ingresso para o Rock In Rio aumentou quase 400% nos últimos 20 anos

O valor das entradas em 2021 é de R$ 545 (inteira) e R$ 272,50 (meia) (Divulgação)
O valor das entradas em 2021 é de R$ 545 (inteira) e R$ 272,50 (meia) (Divulgação)
  • Festival valia um quarto de um salário mínimo em 2001; agora ingresso custa quase metade do valor

  • Organização diz que preço é reajustado de acordo com a inflação e movimentação do dólar

  • Rock in Rio Card começa a ser vendido nesta terça-feira (21)

O ano era 2001. Red Hot Chili Peppers estava em tour após o sucesso do álbum Californication, Britney Spears era a queridinha da mídia e Guns N' Roses anunciava o retorno da banda. Sucesso nas rádios do mundo inteiro, os artistas foram alguns dos destaques da terceira edição do Rock In Rio. O preço do ingresso? Apenas R$ 35.

Leia também:

Na primeira edição do festival após a implementação do Plano Real, o passaporte para custava um quarto de um salário mínimo, fixado em R$ 151. Naquele ano, a Cidade do Rock reuniu mais de 1 milhão e 200 mil pessoas ao longo de sete dias de apresentações.

Para a edição de 2022, o ingresso antecipado, com o preço mais em conta, custará R$ 545 (inteira). O valor é equivalente a quase metade de um salário mínimo na cotação atual, R$ 1.100. As vendas começam nesta terça-feira (21), a partir das 19h, no site oficial do evento.

Uma elevação de quase 400%

De 2001 a 2019, o preço dos ingressos aumentou 386%, já descontada a inflação do IPCA. Se o valor do passaporte tivesse permanecido o mesmo, apenas reajustando o custo da inflação, a entrada deveria custar R$ 108 na última edição.

De acordo com a organização, a entrada varia conforme a inflação e a movimentação do dólar. Como os cachês são pagos com a moeda estrangeira, as oscilações da cotação interferem no preço final repassado ao consumidor.

Variação de preço dos últimos 10 anos

2011 - R$ 190

2013 - R$ 260

2015 - R$ 350

2017 - R$ 445

2019 - R$ 525

2021 - R$ 545