Mercado fechará em 4 h 52 min
  • BOVESPA

    107.789,54
    -1.152,14 (-1,06%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.599,38
    -909,02 (-1,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,85
    -1,29 (-1,52%)
     
  • OURO

    1.836,30
    +4,50 (+0,25%)
     
  • BTC-USD

    33.311,19
    -2.636,80 (-7,34%)
     
  • CMC Crypto 200

    756,73
    +514,06 (+211,83%)
     
  • S&P500

    4.397,94
    -84,79 (-1,89%)
     
  • DOW JONES

    34.265,37
    -450,03 (-1,30%)
     
  • FTSE

    7.377,01
    -117,12 (-1,56%)
     
  • HANG SENG

    24.656,46
    -309,09 (-1,24%)
     
  • NIKKEI

    27.588,37
    +66,11 (+0,24%)
     
  • NASDAQ

    14.203,75
    -222,75 (-1,54%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2003
    +0,0103 (+0,17%)
     

Na Tesla, executiva negra mais proeminente está deixando a empresa

·2 min de leitura
Segundo a Bloomberg, Valerie Capers Workman reportava-se diretamente ao CEO da Tesla, Elon Musk (Getty Images)
Segundo a Bloomberg, Valerie Capers Workman reportava-se diretamente ao CEO da Tesla, Elon Musk (Getty Images)
  • Apenas 4% da equipe de liderança da Tesla era negra, segundo relatório

  • Workman tornou-se chefe de RH da Tesla em 2020

  • Seu destino deve ser a Handshake, como diretora jurídica

Valerie Capers Workman, a executiva negra mais proeminente da Tesla, está deixando a empresa, de acordo com um e-mail interno visto pela Bloomberg. Workman, que está entre os executivos negros de mais alto escalão da companhia do bilionário Elon Musk, deve ingressar na Handshake - a empresa de rede de carreiras, como diretora jurídica. Ela já atuou como porta-voz da Tesla durante um caso de discriminação racial de alto perfil em 2021. Na ocasião, um júri concedeu US$ 137 milhões (cerca de R$ 780 milhões) em danos a Owen Diaz, que disse ter sofrido assédio racial enquanto trabalhava como ascensorista - ou operador de elevador - na fábrica da Tesla em Fremont.

Leia também:

Passagem de bastão

No e-mail interno visto pela Bloomberg, Workman comparou sua experiência na Tesla com a de seu tempo em esportes de atletismo no ensino médio, onde ela teve que "passar o bastão em um lugar melhor do que quando o recebi". Ainda de acordo com o portal norte-americano, Workman disse que se sentia "confiante de que fiz isso na Tesla com a implementação de tantos programas importantes para funcionários em todo o mundo". Ela continuou: “Estou orgulhosa de tudo o que consegui realizar na Tesla com o apoio de colegas verdadeiramente excelentes, especialmente as equipes de Pessoas e Jurídicas”.

Diversidade na Tesla

Durante seu tempo como chefe de RH - quando assumiu o cargo em 2020, após ingressar na empresa dois anos antes como advogada em seu departamento jurídico -, a Tesla divulgou seu primeiro relatório de diversidade, em 2020 mesmo, que mostrou que apenas 4% da equipe de liderança da empresa era negra. Vale lembrar que Workman se reportava diretamente ao CEO Elon Musk, segundo a Bloomberg.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos