Mercado fechará em 5 h 47 min

Vale a pena esperar o Galaxy S23 ou é melhor comprar o S22?

Com o lançamento dos novos Galaxy S23 cada vez mais próximo, será que vale a pena esperar por eles ou é melhor comprar algum modelo da família Galaxy S22? Consultei todos os principais rumores do lançamento, além de alguns colegas de trabalho, para responder a essa pergunta!

Galaxy S22 ainda é ótimo

Antes respondermos à pergunta central desta pauta, deixa eu esclarecer que a linha Galaxy S22 ainda é ótima — inclusive, quem tiver algum modelo da geração atual, não acho que valha a pena fazer a atualização para a nova logo no lançamento.

Galaxy S22 padrão melhorou bastante em relação ao <a class="link " href="https://canaltech.com.br/produto/samsung/galaxy-s21-5g/" rel="nofollow noopener" target="_blank" data-ylk="slk:S21">S21</a> (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)
Galaxy S22 padrão melhorou bastante em relação ao S21 (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

Os três modelos da família possuem telas incríveis, desempenho suficiente para rodar qualquer tarefa da Play Store, câmeras excelentes, construção impecável, e recursos atuais para aproveitar por mais uns três anos, no mínimo.

Se eu tivesse que criticar uma coisa, seria a bateria abaixo da média, principalmente no Galaxy S22 padrão. O Galaxy S22 Ultra também sofre com duração de bateria inferior ao esperado do principal topo de linha da marca, inclusive após as últimas atualizações.

Provavelmente, esse problema deve ser corrigido com os novos aparelhos, por conta do chipset Snapdragon 8 Gen 2 mais eficiente. Ou seja, se você prioriza duração de bateria, esse ponto poderia ser um dos motivos pelos quais você deveria esperar pelo Galaxy S23.

Galaxy S23 não deve mudar muito

Vimos muitos rumores sobre os novos Galaxy S23 nos últimos meses e, ao que tudo indica, não deve haver muita diferença para o S22. Como comentei acima, o chipset Snapdragon 8 Gen 2 será bem mais eficiente que o presente na atual geração, portanto é esperado que a duração de bateria aumente significativamente.

Além da maior eficiência, o novo processador deve trazer 36% mais velocidade ao aparelho, o que já era esperado por se tratar de uma nova geração. Entretanto, não acho essa melhoria suficiente para fazer você trocar, ainda mais considerando que o Galaxy S22 ainda dá conta de tudo numa boa.

Tela e construção são outros departamentos nos quais não deve haver muita novidade. Eles ainda serão construídos em vidro e metal, trazendo basicamente o mesmo visual — a maior novidade seria que os modelos S23 e S23 Plus contariam com câmeras "soltas" no painel traseiro como já aconteceu no S22 Ultra. Já a tela deve permanecer com resolução Full HD+ nos S23 e S23+, e Quad HD+ no Galaxy S23 Ultra. O que deve aumentar é o brilho do painel.

S23 Ultra deve manter a tela Quad HD+ de 120 Hz do antecessor, aumentando apenas o brilho (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)
S23 Ultra deve manter a tela Quad HD+ de 120 Hz do antecessor, aumentando apenas o brilho (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

No conjunto fotográfico, devemos ter mais melhorias no modelo mais potente da família, o S23 Ultra. É esperada uma nova câmera de 200 MP com estabilização no sensor, da mesma maneira que o iPhone 14 Pro Max adota, onde o sensor se move em dois eixos para garantir fotos e vídeos menos tremidos.

A Samsung pode trazer, ainda, o chamado modo cinema, que estreou no iPhone 13 Pro, e difere do já existente vídeo em retrato. Particularmente, acho que as melhorias serão mais bem-vindas no modelo mais potente, não no S23 e S23+.

Preço da nova geração deve aumentar

Com todas as melhorias, é bem provável que o preço da nova geração aumente. O motivo é simples: inflação global, baixa demanda por smartphones e lockdowns na China reduzindo a capacidade de produção dos dispositivos. Até o momento, porém, detalhes dos possíveis valores não foram revelados.

Considerando que o Galaxy S22 foi lançado a partir de R$ 5.999, não me surpreenderia que a sul-coreana vendesse o modelo padrão por R$ 6.499, um pouco menos que o Galaxy Z Flip 4. Com relação ao modelo Ultra, custaria na casa dos R$ 10.000, na faixa de preço do iPhone 14 Pro Max.

Galaxy S22+ é o modelo mais equilibrado da família (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)
Galaxy S22+ é o modelo mais equilibrado da família (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

Quando os novos modelos forem lançados no Brasil, provavelmente em meados de fevereiro se considerarmos o período dos últimos lançamentos, é bastante provável que os aparelhos de 2022 fiquem mais baratos.

Atualmente, o Galaxy S22 padrão já custa cerca de R$ 3.499 segundo o histórico visto no Canaltech Ofertas, mas já chegou a R$ 2.800 nas ofertas da Black Friday passada.

Já o poderoso Galaxy S22 Ultra pode ser encontrado por R$ 5.499 em algumas lojas, o que já considero imbatível pelo conjunto entregue. Acredito que, caso seu preço diminua após a chegada do Galaxy S23, chegará na casa dos R$ 5.000 para acabar com os estoques.

Vale a pena esperar o S23 ou é melhor comprar o S22?

Respondendo à pergunta central desta pauta, sim, vale a pena esperar o Galaxy S23. Conversando com meus colegas de trabalho especialistas em produtos, concluímos ser melhor esperar para conferir se a nova geração nos surpreenderá com as melhorias e, principalmente, com o preço.

Caso não empolgue, é bem provável que a linha Galaxy S22 caia ainda mais de preço, tornando-a uma das melhores opções no segmento. Se o Galaxy S22 custar abaixo de R$ 3.000, por exemplo, ficará bem fácil recomendá-lo, só espero que a Samsung melhore a duração da bateria com futuros updates.

A mesma coisa vale para o Galaxy S22 Ultra. Ele ainda é excelente em tudo o que se propõe e, se ficar na faixa dos R$ 5.000 após a chegada de seu sucessor, não terá modelo vendido atualmente no Brasil que o superará no custo-benefício. Como diz a crítica de cinema Isabela Bosvoc, “é pagar para ver”.

Com isso, recomendo ficar de olho na página da Samsung no Canaltech Ofertas, pois sempre a atualizamos com ofertas imperdíveis da família Samsung Galaxy!

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: