Mercado fechará em 2 h 31 min
  • BOVESPA

    127.826,08
    -231,14 (-0,18%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.130,01
    -72,79 (-0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,58
    +0,54 (+0,76%)
     
  • OURO

    1.772,70
    -2,10 (-0,12%)
     
  • BTC-USD

    36.457,15
    -1.381,24 (-3,65%)
     
  • CMC Crypto 200

    901,45
    -38,50 (-4,10%)
     
  • S&P500

    4.181,74
    -40,12 (-0,95%)
     
  • DOW JONES

    33.388,58
    -434,87 (-1,29%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0158
    +0,0533 (+0,89%)
     

Vale a pena assinar o Apple Arcade? Veja prós e contras

·3 minuto de leitura

Você conhece o Apple Arcade? O serviço de jogos da Apple surgiu não só para combater outras plataformas de games, mas também para unificar o seu gasto com jogos de computador, celular e tablet em uma simples assinatura mensal, ao invés de você ter que comprar jogos e mais jogos de maneira individual. Mas vale a pena? Vamos ver a seguir.

Com a recente atualização em abril deste ano - que trouxe mais de 30 novos jogos à plataforma, incluindo clássicos "antigos" como Fruit Ninja, Cut the Rope, SongPop Party e Badland+ -, o serviço de games da Apple conta agora com 180 opções em seu repertório de jogos.

O valor ainda é o mesmo desde que a plataforma foi lançada: R$ 9,90 mensais, sendo o primeiro mês gratuito, para você poder testar o serviço antes. Caso você tenha adquirido algum produto ou outro serviço da Apple recentemente, há grandes chances de você receber mais do que um mês gratuito, talvez até três meses para testar os jogos em quaisquer de seus dispositivos.

Lembrando que todos os jogos baixados do Apple Arcade vem ad-free, ou seja, sem anúncios de publicidade em suas interfaces - é como se o valor pago pela assinatura do serviço já fosse convertido na compra de cada um dos aplicativos na sua versão completa.

Jogos clássicos, como o Badland+, foram adicionados à plataforma recentemente. Captura de tela: Lucas Wetten (Canaltech)
Jogos clássicos, como o Badland+, foram adicionados à plataforma recentemente. Captura de tela: Lucas Wetten (Canaltech)

E como funciona?

Na App Store do seu iPhone, Mac ou iPad, há uma seção do Apple Arcade. Com o serviço devidamente assinado pela sua conta do iCloud, basta você se aventurar pelas categorias de jogos e baixar os que mais te interessarem para experimentar.

Como já está tudo incluído, pode baixar à vontade quantos jogos quiser e depois excluir os que você não manteve uma sequência de uso - é importante não se esquecer de realmente apagar estes jogos que você não está jogando com frequência, pois eles podem acabar ocupando uma boa parte do armazenamento de seus dispositivos.

Aventure-se pela seção do Apple Arcade na App Store para conhecer a plataforma. Captura de tela: Lucas Wetten (Canaltech)
Aventure-se pela seção do Apple Arcade na App Store para conhecer a plataforma. Captura de tela: Lucas Wetten (Canaltech)

E vale a pena?

Conforme mencionado, os jogos baixados vem em suas versões completas, sem anúncios interrompendo a sua tela ou ocupando espaços da interface do seu jogo. Isso faz uma grande diferença no UX.

Se você metrificar os gastos que teria para baixar os mesmos jogos, ou similares, em uma App Store sem a existência do Apple Arcade - ou mesmo em outras plataformas de games -, o valor de R$ 9,90 para poder experimentar e baixar até 180 jogos completos é bem aceitável para o mercado.

Vale enfatizar que não adianta baixar jogos que você não vai de fato aproveitar e jogar com uma frequência, pois, quanto mais pesado o gráfico de um jogo, naturalmente, mais espaço este vai ocupar no seu aparelho. Dependendo do modelo, do processador e da capacidade de armazenamento do seu iPhone, Mac ou iPad, isso pode fazer uma grande diferença e trazer lentidão de performance ao seu dispositivo, caso este fique sem espaço para rodar outras aplicações.

Sendo assim, sim, o serviço vale a pena pelo seu baixo valor em relação ao que fornece, mas, mais uma vez, é preciso que você avalie o quanto usa e aproveita de fato dos benefícios oferecidos pela sua assinatura do Apple Arcade.

Também há novos jogos já anunciados e que devem entrar em breve na plataforma. Captura de tela: Lucas Wetten (Canaltech)
Também há novos jogos já anunciados e que devem entrar em breve na plataforma. Captura de tela: Lucas Wetten (Canaltech)

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos