Mercado fechará em 4 h 32 min
  • BOVESPA

    108.150,31
    +771,39 (+0,72%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    42.267,20
    +362,14 (+0,86%)
     
  • PETROLEO CRU

    43,81
    +0,75 (+1,74%)
     
  • OURO

    1.803,20
    -34,60 (-1,88%)
     
  • BTC-USD

    19.182,35
    +730,39 (+3,96%)
     
  • CMC Crypto 200

    379,32
    +17,89 (+4,95%)
     
  • S&P500

    3.577,59
    +20,05 (+0,56%)
     
  • DOW JONES

    29.591,27
    +327,79 (+1,12%)
     
  • FTSE

    6.414,28
    +80,44 (+1,27%)
     
  • HANG SENG

    26.588,20
    +102,00 (+0,39%)
     
  • NIKKEI

    26.165,59
    +638,22 (+2,50%)
     
  • NASDAQ

    11.953,25
    +48,00 (+0,40%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3864
    -0,0539 (-0,84%)
     

Vale lançará plataforma no WeChat para vendas "spot" de minério de ferro em iuan

·1 minuto de leitura
Minério de ferro
Minério de ferro

(Reuters) - A mineradora Vale informou nesta segunda-feira que planeja lançar no início de 2021 uma plataforma para negociações "spot" de minério de ferro no aplicativo chinês WeChat, em parceria com a Beijing Iron Ore Trading Center Corporation (Corex), para facilitar transações em iuanes.

A Vale disse que será capaz de otimizar e acelerar as vendas de minério de ferro no mercado físico da China por meio do WeChat, e que as duas companhias assinaram um memorando de entendimento durante a China International Import Expo, que está ocorrendo em Xangai.

A China, maior produtora global de aço, consome mais de 1 bilhão de toneladas por ano de minério de ferro, matéria-prima essencial da siderurgia.

Rio Tinto, BHP e Vale já começaram a vender minério para usinas chinesas em iuanes, à medida que o país asiático busca aumentar sua influência sobre a precificação.

A Rio Tinto lançou em março um programa no WeChat para vendas "spot" de minério de ferro nos portos.

Operado pela Tencent Holdings, o WeChat começou como um serviço de mensagens e tem hoje mais de 1 bilhão de usuários no mundo.

O aplicativo é onipresente na China, onde é utilizado para tudo --desde pagamento de contas de serviços públicos até pedidos de pizza.

A assessoria de imprensa da Vale na China disse que não poderia divulgar no momento mais detalhes sobre o funcionamento do programa ou quais informações os clientes poderão obter com a ferramenta.

(Reportagem de Min Zhang e Tom Daly)