Mercado fechado

Vale e BNDES investirão R$108 mi em iniciativas socioambientais no Norte e Nordeste

(Reuters) - A mineradora Vale e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciaram nesta quinta-feira a assinatura de dois protocolos de intenção para investimentos de 108 milhões de reais em iniciativas socioambientais no Norte e Nordeste do Brasil.

O montante será destinado ao Programa de Garantia a Crédito para Bioeconomia na Amazônia (Garante Amazônia) e ao projeto Juntos pela Saúde, iniciativas que estimulam a participação de doadores privados, por meio das quais o BNDES dobra o valor de qualquer outra doação.

A mineradora é a primeira parceira a aderir às iniciativas e aportará 20 milhões de reais no Garante Amazônia e 34 milhões de reais no Juntos pela Saúde, segundo comunicado da Vale.

A empresa e o banco afirmam que os recursos para o Garante Amazônia servirão de lastro para garantir financiamentos a atividades florestais sustentáveis na região Norte. Entre os beneficiários estarão, por exemplo, agricultores familiares, empreendedores familiares rurais, aquicultores, pescadores e povos indígenas.

"O Garante Amazônia vai beneficiar o desenvolvimento de pequenos produtores da região, que muitas vezes não conseguem ter acesso fácil a créditos”, disse, em nota, Maria Luiza Paiva, vice-presidente executiva de Sustentabilidade da Vale

Já os valores para o Juntos pela Saúde serão empregados no fortalecimento da atenção primária nos municípios do entorno das operações da Vale no Pará e no Maranhão, por meio da expansão do projeto Ciclo Saúde Proteção Social, da Fundação Vale.

O anúncio ocorreu durante evento na Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas, a COP 27, em Sharm El Sheikh, no Egito.

(Por Rafaella Barros)