Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    48.601,77
    +916,05 (+1,92%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.282,75
    -226,75 (-1,46%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

Vale chega a acordo preliminar para encerrar greve de trabalhadores em Sudbury

·1 minuto de leitura
Vista da mina de Brucutu, da Vale, em São Gonçalo do Rio Abaixo (MG)

(Reuters) - Um sindicato que representa os trabalhadores da Vale em greve em Sudbury, Canadá, chegou a um acordo preliminar para resolver uma disputa trabalhista em curso que levou 2.500 empregados a entrarem em greve desde 1º de junho, atingindo a produção da mineradora brasileira.

O acordo de cinco anos, publicado no site do United Steelworkers (USW), inclui "melhorias monetárias significativas para os membros existentes e preserva os benefícios de saúde dos aposentados para todas as contratações futuras". A proposta será colocada em votação na terça-feira, disse um representante do sindicato USW Local 6500 à Reuters.

A Vale também vai pagar 2,5 mil dólares aos trabalhadores em agosto, "em reconhecimento aos esforços realizados no ano passado durante a pandemia", segundo o acordo recomendado pelo USW Local 6500.

Membros do USW Local 6500 votaram contra as duas ofertas anteriores da Vale. Eles eram contra os planos da empresa de cortar benefícios médicos e de saúde para aposentados, bem como aumentos salariais mínimos. (https://reut.rs/3jp41wS)

(Reportagem de Sahil Shaw em Bangalore e Jeff Lewis em Toronto)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos