Mercado fechado
  • BOVESPA

    100.552,44
    +12,61 (+0,01%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.669,25
    +467,44 (+1,22%)
     
  • PETROLEO CRU

    39,79
    -0,24 (-0,60%)
     
  • OURO

    1.923,80
    -5,70 (-0,30%)
     
  • BTC-USD

    12.878,63
    +1.821,62 (+16,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    257,78
    +12,89 (+5,26%)
     
  • S&P500

    3.435,56
    -7,56 (-0,22%)
     
  • DOW JONES

    28.210,82
    -97,97 (-0,35%)
     
  • FTSE

    5.776,50
    -112,72 (-1,91%)
     
  • HANG SENG

    24.754,42
    +184,88 (+0,75%)
     
  • NIKKEI

    23.493,51
    -145,95 (-0,62%)
     
  • NASDAQ

    11.626,00
    -65,25 (-0,56%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6510
    +0,0010 (+0,02%)
     

Vai faltar GeForce RTX 3000 no mercado até 2021; entenda o porquê

Wagner Wakka
·1 minuto de leitura

Não vai se fácil conseguir uma RTX 3000 até o ano que vem. Segundo o fundador da Nvidia, Jensen Huang, a empresa não está dando conta da demanda pelas novas placas apresentadas em setembro.

“Acredito que a demanda vai superar a nossa produção durante todo ano [de 2020]”, disse durante uma conferência da companha. Ele ainda lembrou que o fim de ano deve elevar ainda mais a demanda pelas novas placas. “Antes mesmo da temporada de fim de ano, estamos incrivelmente bem, soma-se a isso o ‘fator ampere com o fim do ano’ e teremos uma temporada realmente grande no quarto trimestre”.

Já faz algum tempo que a Nvidia está com dificuldades para resolver a questão para entregar os novos modelos da linha RTX 3000. A empresa, inclusive, adiou o lançamento da RTX 3070 em duas semanas, para 29 de outubro.

Contudo, Huang ressaltou que o problema não é na fabricação, mas na alta procura. “As 3080 e 3090 têm problemas de demanda, não de fornecimento. O problema de demanda é que ela está muito maior do que a gente esperava, e não esperávamos realmente muito”, disse Huang.

A Nvidia apresentou as RTX 3070, RTX 3080 e RTX 3090 em evento no dia 1º de setembro. Além do grande avanço em potência, a empresa informou que o modelo mais básico será lançado por US$ 499, menos da metade do que é vendida a RTX 2080 Ti.

O preço foi considerado agressivo até mesmo em comparação com os novos consoles, que chegarão ao mercado custando US$ 499.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: