Mercado abrirá em 5 h 3 min
  • BOVESPA

    129.513,62
    +1.085,64 (+0,85%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.558,32
    +387,54 (+0,77%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,47
    +0,17 (+0,23%)
     
  • OURO

    1.781,30
    +4,60 (+0,26%)
     
  • BTC-USD

    34.216,25
    +1.352,02 (+4,11%)
     
  • CMC Crypto 200

    821,41
    +34,79 (+4,42%)
     
  • S&P500

    4.266,49
    +24,65 (+0,58%)
     
  • DOW JONES

    34.196,82
    +322,58 (+0,95%)
     
  • FTSE

    7.116,45
    +6,48 (+0,09%)
     
  • HANG SENG

    29.278,82
    +396,36 (+1,37%)
     
  • NIKKEI

    29.066,18
    +190,95 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    14.359,25
    +5,00 (+0,03%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,8696
    +0,0073 (+0,12%)
     

Vacina da Pfizer reduz casos de COVID-19 em 54% após primeira dose, diz estudo

·1 minuto de leitura

Em fevereiro, uma pesquisa realizada em Israel apontou uma eficácia de 94% para a vacina contra o coronavírus desenvolvida pela Pfizer em parceria com a BioNTech. Agora, um estudo feito em Israel, pela Escola de Saúde Pública da Universidade de Tel Aviv, concluiu que o imunizante reduz entre 51% e 54% os casos da doença apenas com a primeira dose.

Para concluir isso, o grupo de pesquisadores reuniu dados de mais de 500 mil pessoas. Basicamente, a equipe dividiu o estudo em duas partes. A primeira parte contempla os primeiros 12 dias após a aplicação do imunizante, e a segunda parte envolve do 13º ao 24º dia.

Vacina da Pfizer reduz casos de COVID-19 entre 51% e 54%, segundo estudo israelense (Imagem: erika8213/envato)
Vacina da Pfizer reduz casos de COVID-19 entre 51% e 54%, segundo estudo israelense (Imagem: erika8213/envato)

A vacina da Pfizer e da BioNTech é composta por uma tecnologia inovadora, baseada na inclusão de RNAm (RNA mensageiro), que codifica a sequência que gera a proteína S (spike). Essa proteína faz parte do vírus SARS-CoV-2 e é responsável por induzir nossa resposta imune. A tradução do RNAm é feita com o auxílio das nossas próprias células, o que amplifica a geração dessa proteína.

O imunizante consiste em duas doses, sendo que a segunda dose amplifica a resposta imunológica e aumenta a eficácia.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos