Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.909,03
    -129,08 (-0,11%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.867,15
    +618,13 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,42
    -0,50 (-0,77%)
     
  • OURO

    1.833,20
    -4,40 (-0,24%)
     
  • BTC-USD

    55.322,39
    -3.453,20 (-5,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.450,35
    -110,95 (-7,11%)
     
  • S&P500

    4.188,43
    -44,17 (-1,04%)
     
  • DOW JONES

    34.742,82
    -34,94 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.123,68
    -6,03 (-0,08%)
     
  • HANG SENG

    28.595,66
    0,00 (0,00%)
     
  • NIKKEI

    28.838,55
    -679,79 (-2,30%)
     
  • NASDAQ

    13.186,25
    -170,50 (-1,28%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3562
    +0,0160 (+0,25%)
     

Vacina da gripe em spray pode proteger contra diferentes cepas virais

Nathan Vieira
·1 minuto de leitura

Vacinas contra a gripe em forma de spray nasal pode proteger de diferentes cepas virais, segundo descobertas da Emory University School of Medicine e do Institute for Biomedical Sciences at Georgia State, dos Estados Unidos.

As vacinas administradas de forma intranasal têm se mostrado uma estratégia promissora no combate a doenças respiratórias infecciosas, como a gripe, apresentando mais eficácia que as vacinas injetadas no músculo, uma vez que podem induzir respostas imunológicas da mucosa nas vias respiratórias, evitando a infecção no portal de entrada do vírus, além de estimular respostas imunológicas em todo o corpo.

No novo estudo, os pesquisadores desenvolveram uma vacina intranasal contra a gripe usando hemaglutinina recombinante (HA). Esse nome difícil pertence a uma proteína encontrada na superfície dos vírus da gripe, como o componente do antígeno da vacina. Faz parte da capacidade do vírus da gripe de causar a infecção, basicamente.

Spray nasal contra gripe pode te proteger de diferentes cepas virais, segundo novo estudo norte-americano (Imagem: Thorsten Frenzel/Pixabay)
Spray nasal contra gripe pode te proteger de diferentes cepas virais, segundo novo estudo norte-americano (Imagem: Thorsten Frenzel/Pixabay)

O estudo, conduzido em camundongos e cultura de células, descobriu que nanopartículas aumentaram significativamente as respostas imunológicas nas superfícies da mucosa e em todo o corpo.

Vale, ainda, levantar o olhar para o seguinte: as vacinas intranasais sem agulha contra influenza possuem vantagens logísticas sobre as vacinas injetáveis ​​tradicionais, como a fácil administração com alta aceitação para os destinatários e a prevenção de resíduos de risco biológico.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: