Mercado fechará em 3 h 24 min
  • BOVESPA

    115.355,28
    -312,50 (-0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.361,50
    +210,12 (+0,47%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,49
    +0,27 (+0,43%)
     
  • OURO

    1.777,20
    -20,70 (-1,15%)
     
  • BTC-USD

    51.182,99
    +1.919,54 (+3,90%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.024,44
    +29,78 (+2,99%)
     
  • S&P500

    3.885,63
    -39,80 (-1,01%)
     
  • DOW JONES

    31.767,16
    -194,70 (-0,61%)
     
  • FTSE

    6.663,91
    +4,94 (+0,07%)
     
  • HANG SENG

    30.074,17
    +355,93 (+1,20%)
     
  • NIKKEI

    30.168,27
    +496,57 (+1,67%)
     
  • NASDAQ

    13.106,75
    -195,25 (-1,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6991
    +0,1286 (+1,96%)
     

Vacina contra Covid-19: São Paulo lança site "Vacina Já" para pré-cadastro para imunização

João Conrado Kneipp
·1 minuto de leitura
Pré-cadastramento no site não é obrigatório e não funcionará como um agendamento, destacou o governo. (Foto: Divulgação/Governo do Estado de São Paulo)
Pré-cadastramento no site não é obrigatório e não funcionará como um agendamento, destacou o governo. (Foto: Divulgação/Governo do Estado de São Paulo)

O governo de São Paulo anunciou o lançamento do site “Vacina Já” para um pré-cadastro daqueles que receberão as primeiras doses da vacina contra a Covid-19.

A inscrição no site (www.vacinaja.sp.gov.br) não é obrigatória e não funcionará como um agendamento. Em um primeiro momento, o pré-cadastro é destinado somente aos profissionais de saúde e indígenas, integrantes do grupo de risco da doença.

A ferramenta, segundo o governo paulista, deve agilizar o atendimento nos locais de vacinação e evitar a formação de filas e aglomerações.

Leia também

“O pré-cadastro não é um agendamento, mas vai garantir um atendimento mais rápido nos locais de vacinação e evitar a formação de aglomerações. O fornecimento das informações é opcional, mas a participação de cada um vai ajudar toda a sociedade”, afirmou Regiane de Paula, coordenadora do controle de doenças da secretaria estadual de Saúde.

A coordenadora ressaltou que a imunização será feita em quem não conseguiu realizar o pré-cadastro, uma vez que o cadastro completo e obrigatório só é feito na unidade de vacinação.

Até esta segunda-feira (18), segundo Regiane, cerca de 500 mil pré-inscrições já foram feitas.