Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.523,47
    -1.617,17 (-1,47%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.049,05
    +174,14 (+0,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,23
    -2,65 (-3,49%)
     
  • OURO

    1.877,70
    -53,10 (-2,75%)
     
  • BTC-USD

    23.475,49
    -47,70 (-0,20%)
     
  • CMC Crypto 200

    535,42
    -1,43 (-0,27%)
     
  • S&P500

    4.136,48
    -43,28 (-1,04%)
     
  • DOW JONES

    33.926,01
    -127,93 (-0,38%)
     
  • FTSE

    7.901,80
    +81,64 (+1,04%)
     
  • HANG SENG

    21.660,47
    -297,89 (-1,36%)
     
  • NIKKEI

    27.509,46
    +107,41 (+0,39%)
     
  • NASDAQ

    12.616,50
    -230,25 (-1,79%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5385
    +0,0488 (+0,89%)
     

Vítimas de famosa pirâmide de bitcoin receberão R$ 87 milhões

Carlos Matos promovendo a pirâmide BitConnect. YouTube/Reprodução.
Carlos Matos promovendo a pirâmide BitConnect. YouTube/Reprodução.

No fim de 2021, os EUA afirmaram que venderiam R$ 307 milhões em criptomoedas para ressarcir vítimas de uma famosa pirâmide de criptomoedas que começou em 2016.

Já nesta quinta-feira (12), o Departamento de Justiça americano (DoJ), anunciou que cerca de 800 vítimas receberão US$ 17 milhões (R$ 87 milhões). O texto não deixa claro se mais restituições serão feitas no futuro ou se este é o número total de pessoas e montantes.

Quanto aos organizadores do esquema, um deles se declarou culpado pelo golpe de US$ 2,4 bilhões. Já seu fundador, Satish Kumbhani, foi preso mais tarde, mas é possível que outros tantos tenham escapado das garras da justiça.

BitConnect, a pirâmide que virou meme

Criada em 2016, a BitConnect fez vítimas no mundo inteiro. Segundo o DoJ, o esquema chegou a arrecadar US$ 2,4 bilhões de suas vítimas e a um pico de US$ 3,4 bilhões durante o auge de sua falsa capitalização de mercado.

Além do montante surreal, a pirâmide também chamou atenção por virar meme. Afinal, a apresentação de Carlos Matos, uma espécie de garoto propaganda do golpe, em uma cerimônia beirava o absurdo.

“Minha esposa ainda não acredita em mim”, dizia Carlos enquanto contava o quanto havia lucrado no esquema e gritava o nome da pirâmide.

No entanto, o esquema não durou muito, deixando todos seus investidores no prejuízo, incluindo Carlos. Conforme a BitConnect fez vítimas nos EUA, as autoridades americanas logo investigaram o caso, prenderam alguns envolvidos e até mesmo recuperando parte dos fundos.

EUA ressarcirá vítimas da BitConnect

Sendo assim, o Departamento de Justiça dos EUA afirmou nesta quinta-feira (12) que cerca de 800 pessoas receberão US$ 17 milhões (R$ 86 milhões) por caírem no golpe da BitConnect.

“Vítimas de golpe com criptomoedas recebem mais de US$ 17 milhões em restituição do esquema BitConnect”

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

“A BitConnect operou um esquema Ponzi clássico, pagando aos investidores anteriores da BitConnect com dinheiro de investidores posteriores”, aponta o anúncio do DoJ. “[Gleen] Arcaro e seus co-conspiradores garantiram que até 15% do dinheiro investido na BitConnect fosse diretamente para um fundo secreto para ser usado em benefício de seu proprietário e promotores.”

Por fim, o montante ressarcido parece uma pequena parcela do total envolvido no esquema. Ou seja, investidores precisam estar atentos a qualquer sinal para não caírem em golpes similares. Uma boa dica é duvidar de retornos não-realísticos, bem como investigar como estes são gerados.

Fonte: Livecoins

Veja mais notícias sobre Bitcoin. Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.