Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.788,10
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    54.313,82
    -867,18 (-1,57%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

Vídeo mostra preso por matar médico na Barra saindo do carro da vítima na Tijuca

·2 min de leitura

A câmera de segurança de um prédio residencial na Tijuca flagrou o momento em que os três criminosos que roubaram e mataram o cirurgião plástico Claudio Marsili, na Barra da Tijuca, abandonam o carro da vítima. De acordo com as investigações da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC), Tiago Barbosa dos Santos, que foi o responsável pelo tiro que atingiu o médico na cabeça, dirigiu o Hilux e depois entrou no Sandero onde estavam os comparsas. O vídeo foi feito às 7h08, cerca de 40 minutos depois do crime.

O inquérito concluiu, por meio de depoimentos de testemunhas e também de impressões digitais localizadas no Hilux, que Tiago desembarcou da parte traseira do Sandero, na Avenida Fernando Mattos, no Jardim Oceânico, por volta de 6h30 da última terça-feira, dia 19. Ele abordou Cláudio Marsili, que tentou reagir e joga-lo dentro de um valão em frente a Clínica Santée, da qual era sócio. Neste momento, o criminoso disparou e atingiu o médico.

Na tarde daquele mesmo dia, Tiago foi preso com alguns dos pertences da vítima, como mochila e a chave do Hilux, no Morro do Turano, na Tijuca, onde também foi localizado o Sandero usado no crime. Já o carro do cirurgião plástico estava na Rua Martins Pena, no mesmo bairro.

Conforme O GLOBO mostrou, o delegado Henrique Damasceno, titular da DHC, concluiu que os bandidos fazem parte da maior quadrilha especializada em clonagem dos veículos do estado do Rio. O chefe do bando, identificado como Thiago Fernandes Virtuoso, conhecido como Tio Comel, foi o responsável por encomendar e articular o roubo da Hilux do médico. Diligências feitas por agentes dessa especializada comprovaram a participação do grupo no crime.

A quadrilha de Tio Comel, de 35 anos, atua em bairros como Tijuca, Barra da Tijuca, Jardim Botânico, Gávea, Lagoa e Barra da Tijuca. O criminoso possui mandados de prisão em aberto e soma 48 anotações criminais, além de ser envolvido com o tráfico de drogas no Turano. Ele é procurado pela Justiça e está foragido.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos