Mercado fechado
  • BOVESPA

    119.920,61
    +356,17 (+0,30%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.934,91
    +535,11 (+1,11%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,84
    +0,13 (+0,20%)
     
  • OURO

    1.814,70
    -1,00 (-0,06%)
     
  • BTC-USD

    56.196,50
    -614,99 (-1,08%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.461,05
    -10,37 (-0,70%)
     
  • S&P500

    4.201,62
    +34,03 (+0,82%)
     
  • DOW JONES

    34.548,53
    +318,19 (+0,93%)
     
  • FTSE

    7.076,17
    +36,87 (+0,52%)
     
  • HANG SENG

    28.810,28
    +172,82 (+0,60%)
     
  • NIKKEI

    29.397,42
    +66,05 (+0,23%)
     
  • NASDAQ

    13.652,25
    +54,50 (+0,40%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3670
    +0,0004 (+0,01%)
     

Vídeo mostra celulares da TCL com tela enrolável em ação

Felipe Junqueira
·2 minuto de leitura

Os smartphones com tela dobrável mal chegaram e a próxima tendência já começa a aparecer no horizonte: displays roláveis. Segundo o analista e especialista em telas Ross Young, há uma corrida entre as fabricantes para lançar o primeiro celular com essa tecnologia ainda em 2021.

Já falamos aqui no Canaltech sobre supostos projetos de Samsung e LG, ambos com previsão de lançamento comercial já no ano que vem. Mas há ao menos mais uma concorrente ao posto de pioneira dos celulares enroláveis, a TCL, que tem vários protótipos e até fez uma demonstração que gerou um vídeo, publicado no YouTube.

Um dos protótipos lembra bastante um pergaminho, mas há vários modelos que variam entre rolamento vertical e horizontal. Há um com tela de 4,5 polegadas que se expande para até 6,7 polegadas, como os atuais dobráveis já fazem. Outra característica semelhante é o número de vezes em que o display pode ser rolado: até 200.000, quantidade mais que suficiente para uns bons anos de uso sem dar problemas.

A TCL já disse que não pretende lançar nenhum celular com tela rolável até o final de 2020, mas deixou no ar a possibilidade de trazer um dispositivo com tal característica já no ano que vem. A chance de um telefone desse tipo chegar às prateleiras em 2021 é grande, já que rumores apostam que Samsung e LG também estão se preparando para isso.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

É importante notar, entretanto, que novas tecnologias costumam chegar a preço elevado. Nem mesmo as telas dobráveis tiveram redução significativa a ponto de se popularizarem ainda. E temos que esperar para ver quanto a pandemia do novo coronavírus vai impactar a economia global a ponto de forçar uma mudança de estratégias das fabricantes de tecnologia.

E aí, o que você acha? Telas roláveis seriam uma boa adição à lista de opções no mercado de celulares, ou não lhe parece uma tecnologia prática para o dia a dia? Conta suas impressões nos comentários.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: