Mercado fechará em 2 h 6 min
  • BOVESPA

    114.087,74
    +1.805,46 (+1,61%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.530,87
    +192,53 (+0,38%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,39
    +1,16 (+1,61%)
     
  • OURO

    1.752,20
    -26,60 (-1,50%)
     
  • BTC-USD

    44.850,38
    +1.614,31 (+3,73%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.124,96
    +16,04 (+1,45%)
     
  • S&P500

    4.464,53
    +68,89 (+1,57%)
     
  • DOW JONES

    34.873,29
    +614,97 (+1,80%)
     
  • FTSE

    7.078,35
    -5,02 (-0,07%)
     
  • HANG SENG

    24.510,98
    +289,44 (+1,19%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.340,75
    +177,25 (+1,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2166
    +0,0078 (+0,13%)
     

Vídeo de desmonte do Galaxy Z Flip 3 mostra construção complexa do dobrável

·2 minuto de leitura

O lançamento de smartphones dobráveis como o Galaxy Z Flip 3 não causa curiosidade somente por conta de suas funções e atrativos externos. Por dentro, o aparelho também tem componentes novos — como por exemplo dobradiças — além de outras partes dispostas de forma diferente das encontradas em modelos comuns, não dobráveis. Um vídeo de desmonte do novo dispositivo da Samsung foi publicado no canal PBKreviews, e mostra em detalhes como se localizam as diferentes peças ao longo das duas metades do aparelho.

Parte superior acomoda sensor biométrico, antenas 5G e outros componentes

Além das duas câmeras e vários cabos conectores, a metade superior ainda acomoda uma pequena bateria de 930 mAh (Imagem: YouTube/<br>PBKreviews)
Além das duas câmeras e vários cabos conectores, a metade superior ainda acomoda uma pequena bateria de 930 mAh (Imagem: YouTube/
PBKreviews)

O Galaxy Z Flip 3 tem duas capas traseiras que podem ser removidas separadamente com o uso de uma fonte de calor. Ao abrir o aparelho na parte superior, podem ser vistas as duas antenas 5G, uma na lateral e outra mais próxima do centro do dispositivo. A quantidade de cabos conectores impressiona, assim como a abundância de camadas de grafite, que auxiliam na dispersão de calor.

O sensor biométrico do Z Flip 3 fica na lateral do dispositivo e pode ser retirado com certa facilidade, após a desconexão do cabo na placa principal. Esta, por sua vez, acomoda as duas câmeras traseiras, processador, RAM, espaço para cartão SIM, sensor de proximidade e outros componentes. Uma característica interessante dos aparelhos dobráveis é que eles trazem duas baterias — essa metade traz um módulo de 930mAh, cerca de 28% da quantidade total disponível.

Bateria maior fica na metade inferior

Caption
Caption

Ao abrir a parte de baixo, logo percebe-se que grande parte do espaço é dedicado à bateria maior de 2300 mAh. Porém, para chegar a ela, é preciso retirar antes a placa do carregamento sem fio e sensor NFC. A entrada USB-C para carregamento fica logo abaixo, assim como o microfone primário. O cabo conector que liga esses componentes à placa principal passa por baixo da construção traseira, entre a tela e a dobradiça.

Na parte frontal, o desmonte é relativamente simples: o aparelho conta com uma moldura em plástico, que precisa ser retirada antes da tela propriamente dita.

Por ter muitos componentes que não são compatíveis com aparelhos não dobráveis e pela dificuldade de desmonte, o Z Flip 3 levou uma nota baixa de reparabilidade pelo YouTuber: quatro em uma escala de um a dez.

O vídeo completo pode ser conferido abaixo:

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos