Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    34.549,24
    -1.554,12 (-4,30%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

United Airlines fecha acordo para voltar com voos supersônicos

·2 minuto de leitura
United Airlines fecha acordo para voltar com voos supersônicos
United Airlines fecha acordo para voltar com voos supersônicos

Em acordo assinado com a Boom Supersonic, a United Airlines anunciou a compra de 15 aviões comerciais supersônicos Overture, podendo estender o contrato para mais 35 aeronaves. Com o contrato, a empresa aérea será a primeira dos Estados Unidos a voltar com os voos comerciais supersônicos e com emissão zero de carbono.

Para atender aos requisitos de segurança, operação e sustentabilidade, as empresas trabalharão em conjunto antes da entrega das aeronaves. O lançamento oficial deve acontecer em 2025 e o primeiro voo oficial em 2026. Já o transporte de passageiros está previsto para começar em 2029.

Rapidez

O modelo de avião atinge uma velocidade de mach 1,7, o que corresponde a cerca de 2.100 quilômetros por hora, podendo transportar de 65 a 88 passageiros.

Nessa velocidade, seria possível ir de Nova York a Londres em apenas três horas e 30 minutos. Nos modelos convencionais de aviões, a viagem demora seis horas e 30 minutos, ou seja, o dobro do tempo gasto com um supersônico.

Leia mais:

Sustentabilidade

O Overture será produzido com todas as recomendações de sustentabilidade e irá voar com 100% de combustível de aviação sustentável (SAF), com zero de emissão de carbono. Em nota oficial da United Airlines, o CEO Scott Kirby afirmou que a meta da companhia é construir uma empresa aérea mais inovadora e sustentável.

“Os avanços da tecnologia estão tornando mais viável a inclusão de aviões supersônicos”, disse. Segundo ele, a experiência dos passageiros será comparada a uma viagem interestelar.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Rotas

Quando os supersônicos forem entregues pela Boom, sediada em Denver, várias rotas aéreas poderão contar com a rapidez dessas aeronaves. Entre elas estão Newark para Londres (3h30), Newark para Frankfurt (4h) e São Francisco para Tóquio (6h).

“A primeira encomenda mundial de aeronaves supersônicas com zero carbono marca um passo significativo em direção à nossa missão de criar um mundo mais acessível”, declarou fundador e CEO da Boom Supersonic, Blake Scholl.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos