Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.428,18
    -219,81 (-0,19%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.686,03
    -112,35 (-0,21%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,35
    +0,07 (+0,09%)
     
  • OURO

    1.764,50
    -3,80 (-0,21%)
     
  • BTC-USD

    61.313,04
    +1.710,73 (+2,87%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.433,47
    -18,17 (-1,25%)
     
  • S&P500

    4.486,46
    +15,09 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.258,61
    -36,15 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.203,83
    -30,20 (-0,42%)
     
  • HANG SENG

    25.409,75
    +78,75 (+0,31%)
     
  • NIKKEI

    29.025,46
    +474,56 (+1,66%)
     
  • NASDAQ

    15.293,50
    +159,00 (+1,05%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4011
    -0,0027 (-0,04%)
     

Uma pessoa pode ter ansiedade e bipolaridade ao mesmo tempo?

·2 minuto de leitura

A bipolaridade é uma doença que traz alterações no comportamento e leva a pessoa a alternar entre quadros de euforia e depressão. Enquanto isso, a ansiedade tange vários distúrbios que causam nervosismo, medo, apreensão e preocupação, comprometendo a saúde mental. No entanto, será que a ansiedade e a bipolaridade podem atuar em conjunto?

Na verdade, os transtornos de ansiedade costumam ocorrer justamente ao lado de outras condições de saúde mental, e são particularmente comuns em pessoas com transtorno bipolar. De acordo com um estudo publicado no National Center for Biotechnology Information, pacientes bipolares são três a sete vezes mais prováveis de receber um diagnóstico de transtorno de ansiedade do que o restante da população.

De acordo com uma revisão de 2019, mais de 50% das pessoas com transtorno bipolar desenvolvem um transtorno de ansiedade em algum momento de suas vidas, o que pode causar complicações, incluindo doenças mais graves, diagnóstico tardio e aumento do risco de suicídio.

Por enquanto, os especialistas não sabem ao certo por que o transtorno bipolar e a ansiedade estão relacionados, e como as causas de muitas condições psiquiátricas não são totalmente compreendidas e seus respectivos critérios diagnósticos podem se sobrepor, pode ser difícil de distinguir entre esses transtornos. Ainda assim, alguns pesquisadores destacam a existência de comorbidade.

(Imagem: Rawpixel/Envato)
(Imagem: Rawpixel/Envato)

O que acontece se alguém tem ansiedade e bipolaridade?

Tanto o transtorno bipolar quanto a ansiedade são condições tratáveis ​​e administráveis. No entanto, é importante distinguir os dois, pois isso afetará o tipo de medicamento e terapia que um profissional de saúde irá prescrever. Quando uma pessoa tem ambas as condições, um transtorno acaba afetando o outro, levando a:

  • episódios maníacos e depressivos mais mistos

  • um aumento na gravidade dos episódios de humor

  • resistência a medicamentos

  • maior risco de uso de substâncias

  • efeitos colaterais de medicamentos

  • mais sofrimento psicológico

  • pior qualidade de vida

Se alguém tem transtornos de ansiedade e bipolar, o médico deve diagnosticar e tratar as condições em conjunto. Tratar uma condição e não a outra pode ser potencialmente prejudicial. Por exemplo, os antidepressivos são comumente prescritos como tratamento para a ansiedade, mas alguns antidepressivos podem desestabilizar o humor de uma pessoa com transtorno bipolar e causar episódios maníacos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos