Mercado fechado
  • BOVESPA

    101.259,75
    -657,98 (-0,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.707,72
    +55,53 (+0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    39,78
    -0,86 (-2,12%)
     
  • OURO

    1.903,40
    -1,20 (-0,06%)
     
  • BTC-USD

    12.929,80
    +33,22 (+0,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    260,05
    -1,40 (-0,54%)
     
  • S&P500

    3.465,39
    +11,90 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    28.335,57
    -28,09 (-0,10%)
     
  • FTSE

    5.860,28
    +74,63 (+1,29%)
     
  • HANG SENG

    24.918,78
    +132,65 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    23.516,59
    +42,32 (+0,18%)
     
  • NASDAQ

    11.669,25
    +19,50 (+0,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6639
    +0,0538 (+0,81%)
     

Um quarto dos brasileiros resiste à ideia de se vacinar contra Covid-19, diz Estadão

·1 minuto de leitura

(Reuters) - Um quarto dos brasileiros resiste à ideia de tomar uma vacina contra a Covid-19, mostrou pesquisa do Ibope divulgada neste domingo pelo jornal O Estado de S.Paulo.

Do total de entrevistados, 75% disseram que tomarão a vacina com certeza, enquanto 20% responderam que talvez tomem e 5% afirmaram que não tomarão de jeito nenhum.

Entre as principais razões da recusa ou desconfiança dos que afirmaram não ter certeza se tomarão a vacina estão que 53% deles não acreditam que a vacina seja segura e 36% têm receio de tomar a vacina e se contaminar com o novo coronavírus.

Outras razões apontadas foram que a vacina poderia provavelmente causar outras doenças e que a vacina poderia ter chips implantados para controle da população.

Segundo dados do Ministério da Saúde divulgados no sábado, 4,123 milhões de pessoas já foram infectadas com o novo coronavírus no Brasil, com um total de 126.203 mortes.

A pesquisa, feita pelo Ibope para a ONG Avaaz, ouviu mil pessoas nos dias 27 a 29 de agosto. A margem de erro é de 3 pontos percentuais.