Mercado abrirá em 1 h 36 min
  • BOVESPA

    113.583,01
    +300,34 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.598,53
    +492,82 (+0,96%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,27
    +0,82 (+1,09%)
     
  • OURO

    1.732,40
    -19,60 (-1,12%)
     
  • BTC-USD

    42.070,82
    -1.669,76 (-3,82%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.044,04
    -57,48 (-5,22%)
     
  • S&P500

    4.443,11
    -12,37 (-0,28%)
     
  • DOW JONES

    34.869,37
    +71,37 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.032,14
    -31,26 (-0,44%)
     
  • HANG SENG

    24.500,39
    +291,61 (+1,20%)
     
  • NIKKEI

    30.183,96
    -56,10 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.959,75
    -235,00 (-1,55%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2891
    -0,0177 (-0,28%)
     

Um dia após anúncio em entrevista à imprensa, Paes diz em redes sociais que Rio não terá grandes eventos em setembro

·2 minuto de leitura

Um dia após ter anunciado durante entrevista à impensa um novo plano de flexibilização das medidas de restrição no Rio, o prefeito Eduardo Paes afirmou em suas redes sociais que a cidade não terá grandes eventos este ano. Nessa quinta-feira, no anúncio feito por Paes, foram exibidos slides prevendo "eventos em polos gastronômicos" entre os dias 2 e 5 de setembro de 2021.

Paes fez uma postagem no início da tarde desta sexta-feira e começou o texto afirmando estar fazendo esclarecimentos em relação ao plano de abertura. "O feriado é em 2022, e não em 2021. Não teremos grande evento nenhum em setembro", escreveu ainda.

Nessa quinta-feira, durante entrevista à imprensa, Paes lançou o plano de flexibilização, em etapas, batizado de "Rio de Novo, um ano de reencontros" e anunciou medidas para o período entre os dias 2 e 5 de setembro deste ano, uma delas ponto facultativo no dia 3. Ele também anunciou que planeja criar um feriado municipal no dia 2 de setembro, intitulado "Dia do Reencontro", para entrar no calendário da capital a partir de 2022.

De acordo com os dados divulgados durante a entrevista dessa quinta-feira, a primeira etapa de flexibilização, prevista para começar no dia 2 de setembro deste ano, prevê a liberação de eventos em ambientes abertos, mas com máscaras. Os estádios serão reabertos com 50% da ocupação exclusiva para pessoas com esquema vacinal completo. Na data, espera-se que 45% da população adulta estejam imunizados com as duas doses.

— A gente quer fazer um ano de celebração do fim da pandemia. É fundamental que as pessoas continuem se cuidando, termos uma alta cobertura vacinal em pessoas acima de 60 anos e com comorbidades — frisou Paes durante a entrevista.

A prefeitura também lançou datas de eventos a partir de setembro para "fazer um ano de celebração". Ruas serão fechadas e haverá DJs ao longo da orla.

— Tudo em lugar aberto — afirmou Paes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos