Mercado fechado

UFRJ celebra 100 anos com programação virtual

O Globo
·1 minuto de leitura

RIO - A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) completa 100 anos nesta segunda-feira. Para celebrar a data, a instituição oferece programação cultural com apresentação da orquestra sinfônica da UFRJ e o lançamento do documentário "Centenária: A Universidade do Brasil entre duas epidemias".

O evento, que será transmitido pelo Youtube do Fórum de Ciência e Cultura da UFRJ, começa às 17h com a orquestra e segue com cerimônia de celebração às 18h. Às 19h30, é o lançamento do documentário, que relembra alguns dos momentos mais marcantes da história da universidade, criada pouco após a epidemia da gripe espanhola.

Na terça-feira, os centros de pesquisa e as decanias da UFRJ organizarão debates ao longo de todo o dia sobre temas como ciência e sustentabilidade, ciência e saúde, direitos humanos e o mundo pós pandemia. Haverá também uma homenagem ao sambista Noca da Portela e à presidente da Fiocruz, Nísia Trindade. Os dois receberão, em data programada, os títulos de doutor honoris causa e professora honoris causa, respectivamente.

Atualmente, a UFRJ possui 176 cursos de graduação, 130 cursos de mestrados acadêmico e profissional, 94 cursos de doutorado, 1.456 laboratórios, 45 bibliotecas,13 museus e 9 unidades de saúde.

As atividades serão abertas ao público e não é necessário realizar inscrição.