UE aprova pacote de ajuda de € 5 bi para o Egito

A União Europeia (UE) aprovou hoje um pacote de ajuda financeira de 5 bilhões de euros para o Egito, após a economia do país ter sido prejudicada pelo levante popular em 2011, que derrubou o presidente Hosni Mubarak.

O Banco Europeu de Investimento (BEI) vai destinar 2,0 bilhões de euros para o Egito, enquanto outros 2,0 bilhões de euros virão do Banco Europeu de Reconstrução e Desenvolvimento (BERD) e mais 1 bilhão de euros da própria UE. O anúncio foi feito após o presidente egípcio, Mohamed Morsi, se encontrar com a comissária de Política Externa do bloco, Catherine Ashton.

Separadamente, o primeiro-vice-ministro de Finanças do Egito, Hany Kadry, disse que negociadores do Fundo Monetário Internacional (FMI) vão permanecer no país até domingo, pelo menos, o que contraria relatos de que um memorando de entendimento poderia ser assinado hoje. O Fundo está no país para negociar um empréstimo de US$ 4,8 bilhões. As informações são da Dow Jones.

Carregando...