Mercado abrirá em 3 h 33 min
  • BOVESPA

    110.580,79
    +234,97 (+0,21%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.304,04
    -72,85 (-0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,81
    +1,04 (+0,95%)
     
  • OURO

    1.856,60
    -8,80 (-0,47%)
     
  • BTC-USD

    29.743,39
    +469,70 (+1,60%)
     
  • CMC Crypto 200

    661,62
    +5,79 (+0,88%)
     
  • S&P500

    3.941,48
    -32,27 (-0,81%)
     
  • DOW JONES

    31.928,62
    +48,38 (+0,15%)
     
  • FTSE

    7.505,91
    +21,56 (+0,29%)
     
  • HANG SENG

    20.171,27
    +59,17 (+0,29%)
     
  • NIKKEI

    26.677,80
    -70,34 (-0,26%)
     
  • NASDAQ

    11.745,50
    -25,50 (-0,22%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1548
    -0,0174 (-0,34%)
     

Uber se recupera após queda na pandemia, mas segue com prejuízo bilionário

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Na última semana de abril, o Uber (a unidade global) anunciou que sua receita no primeiro trimestre de 2022 começou a apresentar uma recuperação em relação às quedas ocorridas na empresa durante a pandemia.

Nos primeiros três meses do ano, a Uber faturou US$ 6,9 bilhões (R$34,8 bilhões, na conversão atual) um aumento significativo se comparado com os US$ 2,9 bilhões (R$ 14,63 bilhões) faturados no mesmo período do ano anterior.

Ao mesmo tempo, nem todas as notícias sobre os resultados do Uber no primeiro trimestre de 2022 são positivas. A empresa também apresentou um prejuízo de US$ 5,9 bilhões (R$ 29,77 bilhões) durante o período, 55 vezes o do mesmo período em 2021. As perdas foram atribuídas ao faturamento de custos, investimentos e incentivos para atrair motoristas e passageiros.

Crescimento do Uber por área

<em>Uber Eats foi área da empresa que mais se destacou durante a pandemia. (Imagem: Reprodução/Uber Eats)</em>
Uber Eats foi área da empresa que mais se destacou durante a pandemia. (Imagem: Reprodução/Uber Eats)

Os resultados do primeiro trimestre do Uber também foram mostrados para as diferentes áreas da empresa. A parte de transporte de passageiros foi a que mais cresceu no período, com crescimento: 58% de aumento nas receitas. A organização afirmando que sua base de motoristas está em sua maior alta desde o início da pandemia.

Já a área de delivery, o Uber Eats, que foi a que mais se destacou durante a pandemia, também cresceu no primeiro trimestre de 2022, embora de forma menos expressiva que a de transporte, 12%, em um possível reflexo das medidas protetivas contra a covid se tornando mais flexíveis em diversos locais do mundo.

Ficou interessado em mais informações sobre o relatório do Uber? O podcast Canaltech News, nesta quinta-feira (5) lançou um episódio em que os resultados são abordados, que pode ser conferido neste link.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos