Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.523,47
    -1.617,17 (-1,47%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.049,05
    +174,14 (+0,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,23
    -2,65 (-3,49%)
     
  • OURO

    1.865,90
    -50,40 (-2,63%)
     
  • BTC-USD

    23.420,24
    +64,24 (+0,28%)
     
  • CMC Crypto 200

    535,42
    -1,43 (-0,27%)
     
  • S&P500

    4.136,48
    -43,28 (-1,04%)
     
  • DOW JONES

    33.926,01
    -127,93 (-0,38%)
     
  • FTSE

    7.901,80
    +81,64 (+1,04%)
     
  • HANG SENG

    21.660,47
    -297,89 (-1,36%)
     
  • NIKKEI

    27.509,46
    +107,41 (+0,39%)
     
  • NASDAQ

    12.616,50
    -230,25 (-1,79%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5385
    +0,0488 (+0,89%)
     

Uber Moto chega a Belo Horizonte mesmo com proibição de mototáxis

Foto: Getty Images.
Foto: Getty Images.
  • Serviço de mototáxis é proibido na capital de Minas Gerais;

  • Segundo a BHTrans, empresa de planejamento de mobilidade urbana, a fiscalização existe;

  • De acordo com a Uber, a nova modalidade atende aos requisitos exigidos pela lei.

A Uber, empresa de aplicativo de corridas, lançou a Uber Moto na última sexta-feira (22), um novo serviço do aplicativo que oferece a opção de viagem por motocicleta e custa mais barato do que a de carro.

Contudo, ainda que em outros municípios do Brasil o serviço seja permitido, em Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, a circulação de mototáxis é proibida.

De acordo com a Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans), responsável pelo planejamento da mobilidade urbana da cidade, o transporte alternativo não é permitido por não ser regulamentado.

Leia também:

Porém, ao ser questionada sobre a nova modalidade da Uber, a empresa de Minas Gerais afirma que realiza fiscalização constantemente.

De acordo com nota informada pela companhia de aplicativo de corridas, o serviço não é similar ao mototáxi, já que, sendo uma empresa de tecnologia, não está dentro dos requisitos exigidos por empresas de transporte.

Ainda em justificativa, a Uber diz que, na nova modalidade, o aplicativo realiza transporte privado individual em motocicletas, algo previsto na Política Nacional de Mobilidade Urbana (Lei Federal 12.587/2012).

De acordo com a companhia, “ a norma federal que regulamenta o transporte individual privado de passageiros - e que estabelece os limites para a regulamentação pelos municípios - não faz distinção quanto ao tipo de veículo.”

As informações são do Estado de Minas.