Mercado fechado
  • BOVESPA

    119.564,44
    +1.852,44 (+1,57%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.399,80
    +71,60 (+0,15%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,49
    -0,14 (-0,21%)
     
  • OURO

    1.785,90
    +1,60 (+0,09%)
     
  • BTC-USD

    57.177,32
    +2.416,88 (+4,41%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.469,30
    +63,99 (+4,55%)
     
  • S&P500

    4.167,59
    +2,93 (+0,07%)
     
  • DOW JONES

    34.230,34
    +97,31 (+0,29%)
     
  • FTSE

    7.039,30
    +116,13 (+1,68%)
     
  • HANG SENG

    28.647,97
    +229,99 (+0,81%)
     
  • NIKKEI

    29.349,56
    +536,93 (+1,86%)
     
  • NASDAQ

    13.521,00
    +30,00 (+0,22%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4268
    -0,0001 (-0,00%)
     

Uber Eats anuncia integração com Instagram e nova função estilo Stories

Alveni Lisboa
·3 minuto de leitura

Quem nunca foi conferir a rede social de um lugar desconhecido antes de realizar um novo pedido por aplicativo? O Uber Eats agora promete fazer isso de uma forma mais facilitada. É que o app de delivery de comida liberou uma funcionalidade que permite aos restaurantes integrarem uma conta do Instagram ao perfil do estabelecimento no Eats.

Os usuários poderão ver o feed com as fotos das comidas diretamente no app de entrega, além de conseguirem visualizar atualizações de localização, horário de funcionamento e outras informações relevantes. Segundo o Uber Eats, a integração é totalmente opcional e leva menos de 10 minutos para ser concluída. Isso deve transmitir mais realismo às fotos e capturar o usuário pelo olhar.

A ideia é facilitar o hábito de muita gente de dar aquela checada no perfil do restaurante no Instagram antes de pedir o seu prato. Hoje em dia, muita gente deixa de consumir se o estabelecimento não possui um perfil das redes, o que pode indicar falta de profissionalismo ou despreparo.

Stories do Eats

A plataforma de entrega de comida também disponibilizou uma novidade que permite aos restaurantes criarem conteúdos no formato stories no próprio aplicativo Uber Eats. A funcionalidade é parecida com a existente no Instagram e em outras redes sociais, porém será exclusivamente voltada para o app de delivery, no intuito de deixar o consumidor com água na boca enquanto decide qual prato vai pedir.

Os stories do Uber Eats terão foto e texto para atrair usuários (Imagem: Divulgação/Uber Eats)
Os stories do Uber Eats terão foto e texto para atrair usuários (Imagem: Divulgação/Uber Eats)

Por se tratar de uma funcionalidade extra, os interessados deverão se cadastrar antes de poder usar a conta para postar atualizações regulares na vitrine do aplicativo. Os donos de comércio poderão usar imagens e textos para informar os usuários sobre ofertas especiais, mudanças no menu, novos serviços ou promoções sazonais. Ainda não está claro se todos poderão participar ou se o Uber Eats selecionará alguns parceiros específicos para usufruir da novidade.

O Uber Eats afirma que, nos primeiros testes conduzidos, 13% dos usuários que clicaram nos stories de um restaurante realizaram um pedido neste mesmo estabelecimento, na mesma sessão. Não há informações se o sistema permitirá a introdução de vídeos ou a transmissões online, mas é bem provável que isso não ocorra neste momento.

Outras novidades no app

No mês passado, o sistema de delivery lançou uma funcionalidade de propaganda para permitir aos estabelecimentos pagarem para ter destaque no aplicativo. Os anúncios pagos aparecerão no topo do feed dos usuários, o que permite aos restaurantes serem vistos por mais pessoas conforme a localização e gosto alimentar.

(Imagem: Divulgação/Uber Eats)
(Imagem: Divulgação/Uber Eats)

Outra novidade foi um novo painel de gerenciamento, ferramenta com dados sobre usuários e pedidos. O objetivo é fornecer ao empreendedor mais informações para gerenciar a tomada de decisão na estratégia de vendas, como a realização de promoções ou a liberação de cupons com ofertas.

Sobre o Uber Eats

No Brasil, o Uber Eats está disponível desde 2016, atualmente em mais de 150 cidades, em todos os estados do país. A plataforma permite que usuários encontrem e façam pedidos diretamente em restaurantes, farmácias, pet shops e lojas de conveniência. Os produtos são deixados na casa da pessoa por entregadores cadastrados na plataforma.

O site App Annie, especializado em monitorar o mercado de apps, indicou o Uber Eats como o aplicativo que conecta usuários a restaurantes mais baixado do mundo. Em relação ao Instagram, mais de um bilhão de pessoas em todo o mundo usam a rede social de fotos do Facebook.

E aí, vai querer dar aquela conferida antes de pedir a comida no Uber Eats? Deixe sua opinião.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: