Mercado abrirá em 4 h 44 min
  • BOVESPA

    110.909,61
    +2.127,46 (+1,96%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.174,06
    -907,27 (-1,78%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,63
    +0,43 (+0,55%)
     
  • OURO

    1.767,80
    +4,10 (+0,23%)
     
  • BTC-USD

    16.881,03
    +392,98 (+2,38%)
     
  • CMC Crypto 200

    400,98
    +12,25 (+3,15%)
     
  • S&P500

    3.957,63
    -6,31 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    33.852,53
    +3,07 (+0,01%)
     
  • FTSE

    7.512,00
    +37,98 (+0,51%)
     
  • HANG SENG

    18.371,82
    +167,14 (+0,92%)
     
  • NIKKEI

    27.968,99
    -58,85 (-0,21%)
     
  • NASDAQ

    11.534,25
    +9,50 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4708
    +0,0142 (+0,26%)
     

Twitter volta com selo "Oficial" para contas relevantes

O selo “Oficial” do Twitter, o “verificado do verificado”, voltou para a rede social. Nesta sexta (11), a plataforma anunciou o retorno da etiqueta de autenticidade que será atribuída exclusivamente para governos, empresas, parceiras e figuras públicas relevantes.

A primeira aparição do selo “Oficial” aconteceu na quarta-feira (9). A adição serviu como uma forma de diferenciar contas verificadas devidamente autenticadas e relevantes dos usuários pagantes do Twitter Blue. A medida, porém, não durou nem mesmo um dia, já que Elon Musk decidiu “matar” a funcionalidade.

O novo Twitter Blue com selo de verificado causa problemas desde o seu lançamento oficial, na última quarta (9). A distribuição irrestrita do selo provocou uma onda de contas fakes na plataforma, com farsantes se passando por empresas, políticos, famosos e até Jesus Cristo, até que a empresa suspendeu a atribuição do selo para contas recém-criadas — medida que deve minimizar o problema, ao menos por enquanto.

Selo “Oficial” de volta no Twitter

Sem o selo “Oficial” fica mais difícil diferenciar usuários pagantes e contas verificadas por relevância de forma fácil. Para isso, o usuário precisa acessar o perfil e tocar sobre o ícone de verificado para conferir sua origem, ou baixar uma extensão para navegador que diferencie as etiquetas.

O "Oficial" do Twitter funciona quase da mesma forma que o selo de verificado antigo: a tag não pode ser comprada e é atribuída somente a contas devidamente autenticadas pela plataforma. Nem todos os usuários com a etiqueta antiga receberam o "Oficial", mas o ícone também é entregue para perfis de criadores de conteúdo e celebridades.

Bagunça interna

As idas e vindas do selo "Oficial" sugerem que o Twitter deve passar por um sério caos no fluxo de trabalho. A bagunça deve estar acontecendo devido às demandas rápidas do novo dono da plataforma e a redução significativa no corpo de funcionários.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: