Mercado abrirá em 52 mins
  • BOVESPA

    108.095,53
    +537,86 (+0,50%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.056,27
    +137,99 (+0,27%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,16
    -0,20 (-0,28%)
     
  • OURO

    1.783,40
    -2,10 (-0,12%)
     
  • BTC-USD

    49.316,26
    +213,51 (+0,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.287,83
    -17,29 (-1,32%)
     
  • S&P500

    4.701,21
    +14,46 (+0,31%)
     
  • DOW JONES

    35.754,75
    +35,32 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.331,16
    -5,89 (-0,08%)
     
  • HANG SENG

    24.254,86
    +257,99 (+1,08%)
     
  • NIKKEI

    28.725,47
    -135,15 (-0,47%)
     
  • NASDAQ

    16.327,25
    -65,00 (-0,40%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2672
    -0,0069 (-0,11%)
     

Twitter pretende entrar de cabeça no mundo do blockhain e das criptomoedas

·2 min de leitura

O Twitter criou uma equipe dedicada para trabalhar em projetos de criptomoedas, blockchain e serviços descentralizados. A divisão é definida como um "centro de excelência" para traçar a estratégia para o futuro do universo cripto na plataforma e deve contar com Tess Rinearson como cabeça, com passagens por startups de criptomoedas como a Interchain, Tendermint e Chain.

O primeiro desafio seria focar esforços em três áreas de interesse: implantar moedas digitais como forma de pagamento a criadores, pensar em como aproximar o blockchain dos usuários e descentralizar a mídia social. A CEO do Twitter, Jack Dorsey, é um entusiasta do mundo cripto, por isso quer garantir que a sua companhia esteja à frente dos concorrentes neste quesito.

Ainda não está claro se a Twitter Crypto já está em funcionamento ou se pretende ir ao mercado buscar novos especialistas para ajudar na criação de conceitos que possam ser aplicados à finalidade da rede. Hoje, o blockchain já é usado de forma criativa pela indústria do entretenimento, artes e até por governos, mas ainda não se viu nada em âmbito social.

Segundo a rede, há um interesse enorme e crescente entre os criadores para usar aplicativos descentralizados na gestão de seus bens virtuais (NFTs) e criptomoedas. Hoje, já é possível enviar e receber dinheiro proveniente de ativos digitais — Bitcoin e Ethereum, por enquanto — como bonificações entre usuários, sem limitações ou taxas impostas.

Está em desenvolvimento uma funcionalidade que cria uma galeria de arte digital para o usuário expor os NFTs da sua carteira ou usá-los como foto de perfil. Se optar pelo segundo, o Twitter deve mostrar um selo específico para confirmar a autenticidade daquela imagem, o que pode tornar a plataforma mais atrativa para os colecionadores.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos