Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.487,88
    +1.482,66 (+1,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,30
    +228,39 (+0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,35
    +0,46 (+0,42%)
     
  • OURO

    1.845,10
    +3,90 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    29.425,38
    +1,19 (+0,00%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,34
    -23,03 (-3,42%)
     
  • S&P500

    3.901,36
    +0,57 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    31.261,90
    +8,77 (+0,03%)
     
  • FTSE

    7.389,98
    +87,24 (+1,19%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,56 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,19 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    11.838,00
    -40,25 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1528
    -0,0660 (-1,26%)
     

Twitter pode se tornar pago para governos e empresas, diz Elon Musk

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Na última terça-feira (3), Elon Musk anunciou em sua conta do Twitter que, em breve, empresas e governos podem precisar pagar um “leve custo” para usar a rede social.

"O Twitter sempre será gratuito para usuários casuais, mas talvez com um pequeno custo para usuários comerciais e governamentais", escreveu o presidente da Tesla e da Space X na rede social.

Na semana passada, Musk já havia informado aos bancos sobre a sua ideia de desenvolver recursos para aumentar a receita do Twitter, com novas maneiras de ganhar dinheiro por meio de tuítes virais ou aqueles que contenham informações importantes, segundo a Reuters.

O novo dono do Twitter tem sugerido diversas mudanças na rede social desde que a adquiriu, entre elas o aprimoramento com novos recursos, a mudança dos algoritmos para código aberto em prol do aumento da confiabilidade, combate a bots e verificação para usuários humanos.

Além disso, em tuítes anteriores, Musk chegou a propor uma redução no preço do Twitter Blue, a remoção de publicidade na plataforma para membros premium e a opção de pagamento via dogecoin — a criptomoeda favorita do bilionário sul-africano.

Considerando a privacidade e a segurança dos usuários, o proprietário do Twitter também indicou que todas as mensagens diretas da rede social devem ser criptografadas de ponta a ponta.

Musk defende mais liberdade de expressão

As mudanças e o interesse de Musk em adotar seu conceito de "liberdade de expressão" para o Twitter tem levantado preocupações entre os usuários e grupos de direitos humanos. Ativistas temem que a ausência de filtros para algumas opiniões sejam gatilhos para discursos de ódio, incentivo a violência e ataques a minorias.

Porém, Musk já ressaltou que seu objetivo é o de ter uma rede social neutra e de confiança. "Para que o Twitter mereça a confiança do público, precisa ser politicamente neutro, o que significa incomodar de modo igual tanto a extrema-direita quanto a extrema-esquerda", disse ele.

Agora, só resta esperar para ver qual caminho o Twitter tomará sob a administração do bilionário, que acredita que a plataforma serve de fato como a “praça pública da cidade”, metáfora para representar um lugar onde as pessoas possam falar o que pensam.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos