Mercado fechado

Twitter permitirá definir feed cronológico como padrão no app

O Twitter permitirá definir o feed cronológico (a aba “Seguindo”) como a página inicial do app, anunciou Elon Musk. A adição soluciona uma das principais queixas dos usuários sobre o feed organizado em abas semelhante ao TikTok, mudança implementada no começo de janeiro.

“A próxima atualização do Twitter lembrará se você estava na aba “Para você” (ou seja, [com conteúdo] recomendado”, “Seguindo” ou “Lista” que você fez e parará de voltar aos tuítes recomendados”, anunciou o dono do Twitter. Ele não deu nenhuma previsão de quando o update será lançado.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

No começo de janeiro, o Twitter separou o feed nas abas “Para você” e “Seguindo”. Na primeira seção, o Twitter exibe publicações com base na relevância, com recomendações feitas por algoritmo, enquanto a segunda mostra posts de perfis seguidos em ordem cronológica, sem adições da plataforma.

Desde que o Twitter implementou o feed em abas, usuários criticam a insistência da plataforma em voltar para a guia “Para você” sempre que o app é reiniciado. Antes da mudança no feed, era possível para controlar a ordem de exibição de tuítes com base na relevância ou em ordem cronológica sem precisar de uma vez só.

Além de voltar sempre para a aba aberta por último, o Twitter permitirá reorganizar a posição das abas para incrementar a navegação.

Traduções automáticas

Em outra publicação, Elon Musk anunciou que o Twitter traduzirá publicações de outros países e idiomas de forma automática para o feed. “Nos próximos meses, o Twitter vai traduzir e recomendar ótimos tuítes de pessoas de outros países e culturas”, disse o bilionário.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

“Existem tuítes épicos de outros países todos os dias (especialmente do japão)”, complementou. “Os tuítes serão traduzidos antes de serem recomendados”, finalizou Musk.

Atualmente, tuítes podem ser traduzidos ao clicar no botão “Traduzir tuíte”, anexado em todas as publicações cujo idioma for diferente da preferência do usuário. A diferença, porém, é que a adaptação aconteceria de forma automática.

Apesar de não ser uma grande mudança, ela deve incrementar a experiência do Twitter e minimizar a barreira linguística entre usuários do mundo inteiro. Não se sabe quando ela será implementada, porém.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: