Mercado fechará em 1 h
  • BOVESPA

    129.986,48
    -221,48 (-0,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.821,86
    -207,68 (-0,41%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,19
    +1,31 (+1,85%)
     
  • OURO

    1.858,70
    -7,20 (-0,39%)
     
  • BTC-USD

    40.632,40
    +851,48 (+2,14%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.010,31
    -0,30 (-0,03%)
     
  • S&P500

    4.248,93
    -6,22 (-0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.317,79
    -75,96 (-0,22%)
     
  • FTSE

    7.172,48
    +25,80 (+0,36%)
     
  • HANG SENG

    28.638,53
    -203,60 (-0,71%)
     
  • NIKKEI

    29.441,30
    +279,50 (+0,96%)
     
  • NASDAQ

    14.030,50
    -94,25 (-0,67%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1098
    -0,0217 (-0,35%)
     

Twitter lança serviço meteorológico local com uma assinatura paga

·2 minuto de leitura
Twitter lança serviço meteorológico local com uma assinatura paga
Twitter lança serviço meteorológico local com uma assinatura paga

Você é o tipo de pessoa que usa o Twitter para saber como está o tempo? Afinal, sempre bom saber se vai precisar usar um casaco ao longo dia. A plataforma lançou um serviço meteorológico local, chamado de Tomorrow e presente em 15 cidades da América do Norte e na República Dominicana.

Com isso, o jornalista climático Eric Holthaus e mais 18 meteorologistas locais produzirão tanto conteúdo gratuito como pago para fornecer mais informações. Através de uma assinatura mensal de US$ 10 (cerca R$ 50), você poderá fazer aos meteorologistas um número ilimitado de perguntas e também receberá um boletim informativo semanal, além de acesso antecipado a podcasts e notícias.

O vice-presidente de produto, Mike Park, disse que a previsão do tempo era uma “combinação perfeita” para o Twitter, pois muitos internautas usam a plataforma para acompanhar desastres naturais como furacões e inundações.

Ademais, o recurso Tomorrow pode auxiliar o Twitter a reduzir o número de anúncios. Por outro lado, para usuários gratuitos, isso pode incentivar para continuar acessando o conteúdo.

Leia mais:

Fonte: Engadget

Twitter pode copiar função do Facebook

Há alguns anos, o Facebook “evoluiu” a curtida adicionando uma série de reações que podem ser usadas além do like. No Twitter, o coração substituiu a estrela, mas fora isso não houveram mudanças significativas. Para reagir a um tweet, é possível “retweetar” ou “gostar”.

No entanto, o Twitter pode estar planejando expandir isso com um modelo de reações bem semelhante ao adotado pelo Facebook, “copiando” a rede social rival. Lembrando que o mesmo recurso também foi levado para outras plataformas, como o Linkedin.

Quem descobriu o interesse do Twitter na função foi Jane Manchun Wong, conhecida por revelar recursos de apps antes de serem lançados. Na imagem compartilhada, além do tradicional “like” (gosto), aparecem também reações como “cheer” (aclamação), “hmm”, “sad” (triste) e “Haha”.

Para saber mais, acesse a reportagem no Olhar Digital.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!