Mercado fechado
  • BOVESPA

    105.069,69
    +603,45 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.597,29
    -330,09 (-0,65%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,22
    -0,28 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.782,10
    +21,40 (+1,22%)
     
  • BTC-USD

    48.212,24
    -6.736,55 (-12,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.367,14
    -74,62 (-5,18%)
     
  • S&P500

    4.538,43
    -38,67 (-0,84%)
     
  • DOW JONES

    34.580,08
    -59,71 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.122,32
    -6,89 (-0,10%)
     
  • HANG SENG

    23.766,69
    -22,24 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    28.029,57
    +276,20 (+1,00%)
     
  • NASDAQ

    15.687,50
    -301,00 (-1,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3953
    +0,0151 (+0,24%)
     

Twitter finalmente libera correção de um dos erros mais chatos da rede

·2 min de leitura

O Twitter tem várias pequenas falhas que irritam muita gente, mas o sumiço repentino dos tuítes enquanto você lia era uma das principais queixas. No final de setembro, a rede social disse que apresentaria uma solução definitiva para o problema, o que começa a ocorrer a partir agora. Você já pode configurar em quanto tempo deseja que novos tuítes sejam carregados na sua linha do tempo: basta clicar na barra de contagem, no topo, e escolher o tempo desejado.

Para quem não está familiarizado com o erro, ele ocorria porque a plataforma social é configurada para atualizar o feed automaticamente de tempos em tempos, e isso faz com que os posts sumam momentaneamente da tela. Quem costumava acompanhar longos fios de conversa se perdia e precisava voltar para o começo na tentativa de recomeçar a leitura.

Em geral, isso era mais comum em postagens com muitas respostas: quando uma nova é adicionada à conversa, a linha do tempo era atualizada automaticamente. Essa alteração não foca na forma como os tuítes são exibidos, que era a promessa inicial, mas permite o ajuste do tempo para evitar o desaparecimento bem no meio da interação.

Twitter agora "trava" a tela mesmo quando carrega novos tuítes (Imagem: Captura de tela/Canaltech)
Twitter agora "trava" a tela mesmo quando carrega novos tuítes (Imagem: Captura de tela/Canaltech)

A empresa já havia informado ter algumas soluções em mente para resolver o problema, com a definição do tempo de atualização como a primeira no cliente da web. Essa configuração levará em conta apenas o tempo definido pelo usuário, portanto não há diferença entre deixar a página em modo de descanso ou usá-la ativamente: após o prazo definido, a linha do tempo será atualizada.

Como a novidade está em processo de implementação, nem todos podem ver o elemento da interface associado ao ajuste de imediato. Se esse for o seu cas, o jeito é aguardar mais alguns dias, porque a mudança ocorrerá no lado do servidor e não há o que o usuário possa fazer para acelerar isso.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos