Mercado fechado

Twitter diz que banimento de Donald Trump é permanente

Marcus Couto
·1 minuto de leitura
Trump: Twitter nunca mais. (AP Photo/Susan Walsh, File)
Trump: Twitter nunca mais. (AP Photo/Susan Walsh, File)

Donald Trump, o ex-presidente dos Estados Unidos antes da eleição do democrata Joe Biden, não poderá retornar ao Twitter, depois de ter sido banido no início de janeiro deste ano.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

As afirmações foram feitas por Ned Segal, o chefe financeiro da plataforma de microblog, uma das mais populares do mundo, durante entrevista à rede de notícias americanas CNBC.

Leia também:

Segal afirmou que isso acontece por conta da forma como as políticas de uso do Twitter são definidas. Se um usuário é banido, essa expulsão deve acontecer em caráter permanente.

No caso de Trump, ele foi excluído da plataforma por promover atos violentos nos Estados Unidos nas vésperas da tomada de posse de Joe Biden. Ele ainda usava a ferramenta para espalhar informações distorcidas sobre o processo eleitoral americano.

O “ato final” de Trump no Twitter foi ter promovido e incentivado as manifestações que resultaram na invasão do Capitólio dos Estados Unidos, e numa série de mortes.

Ele foi banido do Facebook, também, pelos mesmos motivos.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube