Mercado fechará em 1 h 9 min
  • BOVESPA

    100.694,73
    +2.022,47 (+2,05%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.298,77
    +557,27 (+1,17%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,50
    +1,88 (+1,75%)
     
  • OURO

    1.825,20
    -5,10 (-0,28%)
     
  • BTC-USD

    20.851,08
    -360,05 (-1,70%)
     
  • CMC Crypto 200

    454,96
    -6,83 (-1,48%)
     
  • S&P500

    3.902,88
    -8,86 (-0,23%)
     
  • DOW JONES

    31.452,60
    -48,08 (-0,15%)
     
  • FTSE

    7.258,32
    +49,51 (+0,69%)
     
  • HANG SENG

    22.229,52
    +510,46 (+2,35%)
     
  • NIKKEI

    26.871,27
    +379,30 (+1,43%)
     
  • NASDAQ

    12.062,25
    -78,25 (-0,64%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5333
    -0,0191 (-0,34%)
     

Twitter diz que acabou período de espera para o acordo com Elon Musk

O prazo da transação do Twitter era de 30 dias e necessário para evitar monopólios ou concorrências
O prazo da transação do Twitter era de 30 dias e necessário para evitar monopólios ou concorrências desleais (Getty Image)
  • Transação precisava passar por 30 dias de espera para ser concretizada

  • Período permitiu que as reguladoras avaliassem possíveis restrições

  • Bilionário se comprometeu a investir uma parcelamaior da fortuna

O tempo está acabando para Elon Musk. O Twitter anunciou que, nesta sexta-feira (3), chega ao fim o período de espera para a compra da empresa. Comunicado no mês passado, o acordo prevê a aquisição da rede social a US$ 54,20 por ação.

A lei antitruste Hart-Scott-Rodino, de 1976, diz que após o anúncio do negócio, os envolvidos precisa cumprir um intervalo de espera para que reguladoras possam avaliar se têm restrições imediatas à transação. Esse requisito é indispensável para a transação.

O prazo era de 30 dias e era necessário para que a Comissão Federal de Comércio (FTC, na sigla em inglês) e o Departamento de Justiça pudessem se manifestar sobre possíveis violações. A finalidade é não permitir monopólios ou concorrências desleais.

Recentemente, o bilionário se comprometeu a investir mais da fortuna que acumula para financiar o acordo avaliado em US$$ 44 bilhões. Dessa forma, o homem mais rico do mundo incluiria US$ 33,5 bilhões em ações no plano, já que desistiu de fazer um empréstimo de margem garantida pela Tesla.

Após a divulgação da notícia, a ação do Twitter subia 2,58% no pré-mercado da Bolsa de Nova York, por volta das 9h20 (de Brasília), de acordo com o Moneytimes.

No começo do mês, Musk havia dito que a proposta estava suspensa depois de questionar a proporção de contas falsas ou de spam na plataforma de mídia social. Ele disse que aguarda informações "que confirmem o cálculo de que contas falsas/spam de fato representam menos de 5% dos usuários". No entanto, voltou atrás e reafirmou o desejo de comprar.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos