Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    48.197,44
    +240,04 (+0,50%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.530,00
    +12,25 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

Twitter começa a testar recurso de compras em páginas de perfil de marcas

·1 minuto de leitura
Silhuetas de pessoas com logotipo do Twitter ao fundo.

Por Sheila Dang

(Reuters) - O Twitter começará a permitir que companhias exibam produtos à venda no topo de sua página de perfil, disse a empresa de rede social nesta quarta-feira, enquanto busca obter uma fatia do lucrativo mundo das compras online.

A empresa está seguindo os passos do Facebook, que abriu um recurso "Lojas" em 2020 para permitir que consumidores comprem produtos diretamente pelo Facebook e Instagram.

O Twitter disse que começará a testar o novo recurso de compras com "um punhado de marcas" nos Estados Unidos.

Os usuários podem percorrer um carrossel de produtos na parte superior do perfil da marca. O cliente pode tocar em um produto e pagar por meio do site do varejista.

O teste é uma tentativa renovada de oferecer compras no Twitter. A empresa experimentou antes um botão "Compre agora" e páginas de produtos, em 2015.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos